Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

“Combate ao racismo será prioridade em nosso governo”, assegura Bira

O socialista falou da força do movimento negro no Brasil e nos EUA.

Bira afirmou que combate ao racismo será prioridade em seu governo (Foto: Divulgação)

O candidato a prefeito de São Luís, Bira (PSB), se destacou no debate ocorrido na noite de ontem por pautar a luta contra o racismo em São Luís e rememorar a luta histórica do povo negro, contra a escravidão e as desigualdades. Neste sentido, o candidato, que é presidente da Frente Parlamentar Quilombola e se autodeclara negro, disse que um dos seus objetivos é fazer de São Luís uma cidade que a população é majoritariamente negra, seja antirracista com justiça social e igualdade de oportunidades.

O socialista falou da força do movimento negro no Brasil e nos EUA, inclusive com a derrota do presidente Donald Trump sob influência decisiva do “Black Lives Matter”. E afirmou que vai criar a Secretaria Municipal de Igualdade Racial com orçamento próprio. O objetivo, segundo ele, é garantir o fortalecimento e maior efetividade de políticas públicas voltadas para a população negra da capital para garantia de direitos, fortalecimento da identidade, incentivo ao empoderamento e representatividade nos espaços de poder.

Ele ainda destacou pontos fortes do seu plano de governo; como a reserva de vagas para a população negra em concursos públicos municipais, o fortalecimento da identidade do Quilombo Urbano da Liberdade, o cumprimento a Lei 10.639/2003 que trata sobre história e cultura afro-brasileira nas escolas municipais.

“Nós, negros, somos minoria inclusive aqui no processo eleitoral. Nossa luta é pela igualdade. É uma luta histórica e vamos promover a igualdade racial de maneira efetiva com políticas públicas reais de fortalecimento da identidade cultural negra”, garantiu.

O candidato do PSB lembrou sua trajetória de de lutas em defesa dos negros e quilombolas no parlamento. Recente, lutou contra o novo acordo de Salvaguardas Tecnologicas entre o Brasil e Estados Unidos (EUA), que entregou o Centro de Lançamento de Alcantara, sem consultas prévias as populações quilombolas, para a exploração comercial da área.
“Defendi o povo quilombola na Câmara Federal, defendi essa luta novamente em meu horário no programa eleitoral gratuito e sou presidente da frente parlamentar quilombola, sempre coerente com minha história de vida”, destacou.

Vota às aulas

Bira falou também da volta das atividades escolares na rede pública municipal. “Vamos chamar todos envolvidos no processo estudantil para decidir o melhor caminho. Vamos definir sobre as aulas e calendário coletivamente com estudantes, professores e técnicos do sistema de educação. Sempre com esforço e trabalho para voltarmos a normalidade o quanto antes”, afirmou ao assegurar que nenhuma decisão será tomada com imposição.

Carregando