Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

960 profissionais são encaminhados ao mercado de trabalho no mês de maio no Maranhão

Do total de 968 trabalhadores encaminhados pelo Sine no mês de maio, o maior número foi realizado na agência Central de São Luís, com 115 encaminhamentos

Foto: Reprodução

Uma semana após os números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) apontarem que o estado é o 5º na abertura de postos de trabalho no país, o levantamento das agências do Sistema Nacional de Empregos (Sine), órgão vinculado à Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária (Setres), mostram que 968 profissionais foram encaminhados ao mercado por meio do sistema, em maio.

Os resultados são ainda mais positivos quando se observa que foram obtidos em um cenário nacional de estagnação da economia, onde o país inteiro encontra dificuldades para gerar novas vagas de trabalho. Essa dificuldade é comprovada com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados na sexta-feira (31), apontando que 13,2 milhões de pessoas estão desempregadas em todo o Brasil.

Do total de 968 trabalhadores encaminhados pelo Sine no mês de maio, o maior número foi realizado na agência Central de São Luís, com 115 encaminhamentos, seguida pela agência do Anjo da Guarda, também na capital, que encaminhou 100 profissionais. Entre as agências do interior do estado, destaque para a de Bacabal e Balsas, com 25 e 21 pessoas encaminhadas respectivamente, ao mercado de trabalho.

Os encaminhamentos foram realizados com base nos perfis solicitados pelas empresas e nos cadastros do sistema do Sine que, cada dia mais, tem sido um recurso utilizado pelos dirigentes dessas empresas com confiabilidade no trabalho que é desempenhado nesse tipo de indicação.

 

 

Carregando