Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Duas crianças maranhenses morrem em tragédia no Chile

Segundo informações da governadora da Cordilheira, Mireya Chocair, as crianças estavam na companhia dos pais e de outros turistas quando a tragédia aconteceu

Foto: Reprodução

Duas crianças maranhenses, de 3 e 7 anos, naturais de Bacabal, morreram nesta segunda-feira (3), durante um passeio a Embalse el Yeso, na região de San José de Maipo, destino turístico que fica a cerca de 100km da capital do Chile, Santiago. Elas foram atingidas por pedaços de rocha que se desprenderam das montanhas que circundam o local. A criança de 3 anos morreu na hora. Já a mais velha chegou a ser levada para o hospital de San José, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo informações da governadora da Cordilheira, Mireya Chocair, as crianças estavam na companhia dos pais e de outros turistas quando a tragédia aconteceu. Ainda segundo a governadora, a área estava sinalizada, já que é comum esse tipo de deslizamento acontecer, e apontou a responsabilidade para a empresa operadora de turismo, que não teve o nome divulgado até o momento.

“Todos os operadores de turismo sabem dos perigos que existem em cruzar uma área proibida na região. Existem horários de subida e descida, que estão normatizados e que são de conhecimento público. Vamos investigar os motivos que levaram esta operadora a desrespeitar o regulamento local”, afirmou Mireya Chocair.

Esta matéria está em atualização

 

Carregando