Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

MOB fiscaliza transporte alternativo no Terminal da Ponta da Espera

A fiscalização do transporte alternativo intermunicipal de passageiros teve prosseguimento nesta terça-feira (1º)

MOB fiscaliza vans e micro-ônibus na Ponta da Espera. (Foto: Divulgação)

A fiscalização do transporte alternativo intermunicipal de passageiros teve prosseguimento nesta terça-feira (1º), no terminal da Ponta da Espera.

Durante todo o dia os fiscais da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos (MOB) vistoriaram a documentação e as condições de conservação e manutenção dos veículos com o intuito de garantir segurança e serviço adequado para a população que utiliza esse modal de transporte e ainda combater a pirataria no sistema de transporte alternativo intermunicipal de passageiro.

A fiscalização é parte das ações integradas desenvolvidas pela MOB em consonância com cooperativas e associações de transporte alternativo para o desenvolvimento, organização e regularização do transporte intermunicipal de passageiros.

“Estamos desenvolvendo, há dois anos, um trabalho de regularização e melhorias no transporte alternativo intermunicipal de passageiros, com diálogo e participação das associações e cooperativas. Durante esse tempo conseguimos aumentar o número de vans e micro-ônibus regularizadas de 700, para mais de 2.000 com a publicação da Portaria 85/2019. Após esse processo iniciamos a selagem e a plotagens dos veículos, dando identidade visual para as vans e micro-ônibus”, afirmou Lawrence Melo, presidente da MOB.

Para os operadores do sistema, a fiscalização veio em boa hora e vai garantir mais segurança, conforto e credibilidade para os profissionais e usuários do Transporte Alternativo.

“A fiscalização contribui muito para a segurança da nossa categoria e dos passageiros que utilizam o nosso serviço, além disso, os nossos passageiros terão mais conforto e um serviço adequado”, disse seu Diniz, proprietário e motorista de Van que faz linha para a Baixada Maranhense.

Segundo o chefe de fiscalização da MOB, Abenaias Silva, as fiscalizações irão continuar por tempo indeterminado e vai acontecer em todas as regiões do Estado do Maranhão.

“Já temos fiscalizações planejadas para o ano todo em todas as regiões do Maranhão e estamos trabalhando para oferecer para a população maranhense um serviço efetivamente dentro do que rege a legislação, com isso ganham os operadores e ganha a população”, disse Abenaias.

Carregando