Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Polícia prende organização criminosa suspeita de homicídios e extorsão em São Luís

A ação teve a finalidade de cumprir seis mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão temporária.

Suspeitos foram presos nas primeiras horas da manhã (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil do Estado do Maranhão deflagrou a “Operação Raiz”, nesta terça-feita, 17, no início da manhã, no condomínio ECO Tajaçoaba e bairros vizinhos, em São Luís. A ação teve a finalidade de cumprir seis mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão temporária.

Foram presos Leandro Silva Atan, vulgo “Casquinha”, Vitor Rodrigues Sousa, Wagner Dias, conhecido como “Fiel”, Natanael Cardoso e Walyson de Jesus Silva, o “Marcinho”. Todos são suspeitos de homicídios e de integrar uma organização criminosa que se auto-intitula “Neutros”.

A vítima do homicídio investigado pela Delegacia de Homicídio Área Leste foi Washington Luis Sousa Martins Santos, de 23 anos, que foi assassinado no último dia 09/10, com disparos de arma de fogo e golpes de faca, no condomínio Eco Tajaçoaba.

O grupo é suspeito de outros homicídios e delitos, tais como, extorsão de moradores e expulsão de proprietários de imóveis da região para acomodar pessoas de sua convivência.

Os presos foram conduzidos para a Superintendência Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoas para formalização de interrogatórios e posterior envio ao sistema penitenciário.

O suspeito Wagner Dias foi autuado em flagrante por ter apresentado documentos falsos.

A Execução dos Mandados foi coordenada pela Delegacia Geral Adjunta Operacional de Polícia Civil e Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoas e contou com apoio operação de SEIC, SPCI (GPE), CTA e Polícia Militar.

Carregando