Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Bloco do Galo da Meia Noite – 60 anos de Tradição em Rosário

O cortejo acontece neste sábado, 15, marcando a abertura oficial do Carnaval na cidade de Rosário (MA)

Bloco do Galo da Meia Noite. (Foto: Divulgação)

Devido sua força popular e tradição cultural, Rosário (MA), 60 km da capital, é um dos municípios que tem uma das maiores festas de Carnaval do Maranhão. Inclusive, o período curiosamente é estendido até a quarta-feira de cinzas encerrando a temporada com o bloco Micarroça, centenas de carroças decoradas, animais à caráter, que desfilam pelas ruas da cidade arrastando uma multidão. Multidão esta que também pode ser notada logo na abertura oficial da folia momesca durante a saída do Bloco do Galo da Meia Noite.

O Bloco do Galo da Meia Noite já faz parte do patrimônio cultural da cidade. Foi criado a partir do bloco de sujo, de mesmo nome, idealizado pelo saudoso folclorista Manoel Domingues, que era bastante conhecido na cidade, através do seu ofício de sapateiro. Seu Manoel faleceu aos 83 anos, em 2017, deixando essa herança cultural para o povo de Rosário, aos cuidados da família, e também do seu parceiro na iniciativa, o Maestro J. Santos.

Por entender a importância da perpetuação desta brincadeira, a Prefeitura de Rosário (MA), na gestão de Irlahi Moraes, através da Secretaria de Cultura e Turismo, presidida por Alaim Tavares, garantiu a infraestrutura para realização do bloco neste Carnaval 2020.

“Seu Manoel era uma pessoa muito querida por todos nós. E o bloco do Galo marca o calendário cultural da cidade na abertura do Carnaval. Toda a população rosariense participa e comunga desta tradição. É muito importante a gente manter esse legado e dar continuidade a esta bela manifestação”, acentua Alaim.

O cortejo Bloco Galo da Meia Noite é realizado todo sábado-magro de carnaval, com concentração na sede de bloco, onde era a residência de Seu Manoel, na travessa Filomeno Rabelo (Centro) a partir de 19h. Na programação, haverá algumas atrações e realização de bingo, e pontualmente à meia-noite a Orquestra do Galo, na direção do Maestro J. Santos, sobe ao trio elétrico para percorrer as ruas da cidade, levando muita alegria e animação, arrastando um público de aproximadamente quinze mil pessoas. O repertório segue a tradição dos antigos Carnavais, com marchinhas e ranchos abrindo alas ao Carnaval de Rosário (MA).

O principal símbolo da brincadeira é o Galo, confeccionado artesanalmente pelo artista plástico Carlos Augusto (Gigio) a partir da ideia de uma outra peça feita pelo próprio Manoel Sapateiro, talhada na madeira. Recebeu recentemente uma reforma aos cuidados do também artista plástico Jefferson de Jesus.

Seu Manoel costumava fazer essas peças para servirem de tema das danças de salão realizadas por ele, ao longo de sua vida. Entre essas peças: zebra, tubarão, galo, garça, guará e surubim, foram um desses animais representados.

O Bloco Galo da Meia Noite começou a ser realizado neste formato análogo ao pernambucano Galo da Madrugada há uma década, mas a brincadeira existe como “bloco de sujo” há sessenta anos em atividade.

A saber, Rosário (MA) é um lugar de alto potencial turístico, com enorme diversidade cultural, riqueza histórica e natural. É o município sede da Região do Munim, litoral norte do Estado, onde deságuam os rios Itapecuru e Munim. É passagem para Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, através da BR 402. Recentemente, ganhou também destaque pela restauração do Complexo Ferroviário, aberto à visitação. A Estação ganhou novos ares, retomando sua beleza e imponência de uma construção histórica, símbolo do desenvolvimento social e econômico da região no século XIX.

SERVIÇO PARA AGENDA:

GALO DA MEIA NOITE – ROSÁRIO – MA

DIA 15 DE FEVEREIRO, SÁBADO MAGRO DE CARNAVAL.

CONCENTRAÇÃO 19H, NA SEDE DO BLOCO, SITUADA NA RUA FILOMENO RABELO – CENTRO.

TRIO ELÉTRICO E ORQUESTRA DO GALO DO MAESTRO J. SANTOS

ABERTO AO PÚBLICO.

MAIS INFORMAÇÕES: 98 98431 8514 (AMAURI)

Carregando