Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Acolhimento à vida

A natureza da vida mostra que todo pensamento passa por um processo de receber a informação, filtrar e processar, conforme sua ótica de ver o mundo

Foto: Reprodução

As experiências de vida são vivenciadas por meio de várias possibilidades, óticas e percepções, conforme crenças adquiridas desde a pré-concepção até o momento (inatas ou adquiridas).

A natureza da vida mostra que todo pensamento passa por um processo de receber a informação, filtrar e processar, conforme sua ótica de ver o mundo, e, por fim, comunicar aquilo que foi percebido, filtrado e gerado um significado.

Um exemplo: ao ingerir um alimento, observo a forma, cor, textura, sinto a temperatura, sabor, mastigo, processo cada informação e assim comunico ao corpo o alimento digerido e ao mundo o significado daquele alimento até eliminar e concluir o ciclo.

Tudo passa por este processo de receber, processar e liberar.

Recebemos uma informação, que passa pelo filtro de percepção e assim é liberada.

O verdadeiro sentido da vida é viver as experiências, sentir as sensações, perceber, dar um significado, agradecer o presente recebido e assim liberar.

Porém, às vezes, os temores de novos sentidos geram fechamento e bloqueio no novo que estar por vir.

O alimento que posso ter visto, sentido de forma amarga e ruim no meu inconsciente pode bloquear a ponto de não me permitir experimentar outras possibilidades.

Quantos relacionamentos, bloqueados pelo medo de ser machucado novamente, geram proteções em cima de proteções que impedem uma segunda chance de viver por outros filtros de percepções?

Permita experimentar a vida por meio de diversas óticas; alivie os ‘coletes de proteção e ‘amarras’; apenas reconecte com o verdadeiro sentido da vida, que é senti-la.

Patrícia Rabêlo Bogéa de Matos
Fisioterapeuta
Esp. Microfisioterapia, Leitura Biológica, Terapia Manual, Terapia Crânio Sacral e Psych-k

Carregando