Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Oferta de vacina BCG é ampliada na rede municipal de saúde de São Luís

A expansão dos serviços é, também, uma compensação devido ao período necessário de suspensão das atividades devido ao coronavírus.

Oferta de vacina BCG é ampliada na rede municipal de São Luís (Foto: Divulgação)

Devido à grande procura nos postos de saúde, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), determinou a ampliação da oferta da vacina do tipo BCG (que previne contra a tuberculose). Agora, a população pode contar com outras seis unidades que foram inseridas recentemente no cronograma de imunização da vacina.

Foram incluídas pela Semus as seguintes unidades: Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – Apae (via parceria), Centro de Especialidades Médicas (CEM) Cidade Operária; unidades mistas do Itaqui-Bacanga e do São Bernardo; além do Centro de Saúde Thalles Ribeiro; e do Centro de Saúde Ribamar Frazão.

Com a soma das unidades, ao todo, o município oferta 22 locais com a vacina BCG. Conforme estabelecido anteriormente, a disponibilização da vacina nos locais autorizados segue o ordenamento estabelecido por dia.

Na segunda-feira, por exemplo, a BCG é encontrada na Apae e nos centros de saúde João de Deus, Quebra Pote e Olímpica II. Já nas sextas-feiras, a vacina é ofertada nos centros de saúde Thalles Ribeiro, do Bairro de Fátima, da Vila Itamar e do Cohab Anil.

A secretária de Saúde de São Luís, Natália Mandarino, destacou a importância da extensão na oferta da BCG para a população.

“Trata-se de uma vacina que deve ser aplicada na criança logo nos primeiros anos de vida. Portanto, é uma prioridade da gestão do prefeito Edivaldo a oferta desta imunização para o público infantil”, afirmou.

A oferta da vacina BCG segue à orientação do Ministério da Saúde (MS). A expansão dos serviços é, também, uma compensação devido ao período necessário de suspensão das atividades em postos de saúde devido às regras sanitárias estabelecidas contra o novo coronavírus (Covid-19).

SAIBA MAIS

A BCG, em conjunto com a hepatite B, são as primeiras vacinas indicadas para o recém-nascido. Ela protege contra as formas graves da tuberculose, uma doença infectocontagiosa e com grande incidência de casos no território brasileiro.

Carregando