Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Prefeito de São João do Paraíso é preso por porte ilegal de arma de fogo

Um candidato a vereador, de posse de uma espingarda. 20, também recebeu voz de prisão durante abordagem de rotina.

Armas apreendidas em poder do prefeito e do candidato a vereador (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil do Maranhão prendeu, nesta quarta-feira, 4, o prefeito da cidade de São João do Paraíso (759 km distante de São Luís), Roberto Régis de Albuquerque, por porte ilegal de arma de fogo. Posteriormente, um candidato a vereador do município também recebeu voz de prisão, por estar de posse de uma espingarga e um revólver .22. As prisões ocorreram durante abordagem de rotina na região.

A operação, efetuada pela 10ª DRPC, por intermédio do Grupo de Pronto Emprego-GPE/Imperatriz, ocorreu na estrada que dá acesso ao povoado Vão do Marco, zona rural da cidade São João do Paraíso.

Primeiramente, os policiais abordaram um veículo Fiat Strada Cinza de propriedade de um candidato a vereador da cidade. Realizadas buscas no interior do carro, a equipe encontrou uma espingarda .20 e um revólver .22.

Dando prosseguimento às abordagens, a equipe também abordou uma caminhonete Hilux Branca pertencente ao prefeito de São João do Paraíso. Durante a revista, Roberto Régis, candidato à reeleição para o cargo de prefeito, foi flagrado com um revólver .38 na cintura.

Os dois indivíduos foram conduzidos até a Delegacia de Polícia Civil de Estreito e autuados em flagrante delito pelo crime de Porte Ilegal de Arma de Fogo de Uso Permitido.

Carregando