Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Alliance Maranhão inaugura nova fábrica no estado em Codó

Unidade maranhense terá capacidade produtiva de 12 toneladas diárias de hipoclorito de sódio, ácido clorídrico e soda cáustica.

A fábrica terá capacidade produtiva de 12 toneladas de hipoclorito de sódio, ácido clorídrico e soda cáustica (Foto: Divulgação)

A Chlorum Solutions, por meio da Alliance Maranhão, ira inaugurar neste sábado, 7, na cidade de Codó, mais uma planta de produção de cloro álcalis. A unidade, com 10 mil metros quadrados de área construída, terá capacidade produtiva de 12 toneladas de hipoclorito de sódio, ácido clorídrico e soda cáustica. O empreendimento teve um investimento da ordem de R$ 45 milhões.

O cloro álcalis é insumo fundamental para diversas indústrias químicas, produtos de limpeza, tratamento de água, siderúrgicas e até mineradoras. Entretanto, um dos maiores desafios do produto é o transporte, já que a maior parte da produção no país está concentrada em poucas indústrias, localizadas distantes do Maranhão. Isso faz com que o frete, às vezes, chegue a ser mais caro do que o próprio produto, diminuindo a atratividade pela instalação de indústrias que dependem do produto.

A empresa informou que localização privilegiada da cidade de Codó, com fácil acesso a outras regiões do Maranhão e também estados vizinhos, tanto no Norte quanto do Nordeste coloca a unidade maranhense em posição estratégica. A fábrica de Codó deve abastecer estados dessas regiões, reduzindo em mais de 1.300 km a distância que estes produtos percorrem hoje para chegar ao destino final, tornando o produto mais atrativo.

“Acreditamos fortemente no futuro do Maranhão. O estado pode se tornar um novo polo industrial do país”, afirma Eduardo Perdigão, Gerente Geral da Região na Alliance Maranhão. De acordo com Perdigão, a expectativa é que a fábrica de Codó abasteça os estados do Norte e Nordeste, atendendo a municípios que hoje estão longe dos polos produtivos de cloro.

“Estar perto de onde o cloro e seus derivados é produzido é extremamente estratégico para as empresas. Vamos alavancar o setor industrial desses estados”, ressaltou.

O cloro na forma gasosa não será comprimido e nem armazenado, reduzindo assim o risco ambiental e operacional. Os produtos a serem comercializados são livres de metais pesados e resíduos tóxicos. “Trata-se de uma fábrica ambientalmente correta. Queremos reforçar nossas políticas e valores de produção limpa e sustentável, tendo como meta o resíduo zero”, afirma Leonardo Tavares, Gerente Industrial da Alliance Maranhão.

A atratividade

Com a inauguração dessa nova unidade, a expectativa é beneficiar as indústrias que já estão instaladas no estado do Maranhão, além de atrair muitas outras, trazendo um ciclo de desenvolvimento sócio econômico para a região.

“Fechamos um contrato de longo prazo com a empresa FC Oliveira, uma das principais marcas de fabricação de produtos de limpeza do estado. E, já soubemos que outras indústrias manifestaram interesse em se instalar no Maranhão devido produção local”, antecipa Perdigão.

A empresa irá produzir três produtos nessa nova planta: hipoclorito de sódio, utilizado na fabricação de produtos de limpeza e higiene, além de tratamento de água; ácido clorídrico, que é muito usado na limpeza e galvanização de metais, na fabricação de produtos químicos, no curtimento de couros, na obtenção de vários produtos, como na produção de tintas e corantes; e hidróxido de sódio, também conhecido como soda cáustica, que é usado amplamente por diversas indústrias.

Essa será a segunda fábrica do grupo Chlorum na região. A primeira está localizada próximo de Fortaleza, dentro da ETA Gavião da CAGECE – Companhia de Água e Esgoto do Ceará, e é um grande case de sucesso.

Carregando