Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

2021 inicia com diversos registros de quebra de postes em São Luís

De acordo com os órgãos de trânsito, estes acidentes geralmente ocorrem durante a madrugada ou finais de semana

Foto: Reprodução

As ocorrências de acidentes com quebra de postes da rede de energia elétrica, tem se tornado notícia comum nos últimos dias em São Luís. Situações como essas afetam não só o condutor e ocupantes do veículo, como também as unidades consumidoras próximas ao local do incidente, que têm o fornecimento de energia interrompido, além das complicações para motoristas que precisam trafegar e o trânsito acaba ficando complicado na localidade do acidente.

Registros da empresa que administra o setor elétrico no Maranhão mostram que, em 2019 foram mais de 2.242 ocorrências de acidentes com quebra de postes no Maranhão. Durante o ano de 2020, o registro foi de 1.525 em todo o estado. Na Grande São Luís (São Luís, Paço do Lumiar, São José de Ribamar e Raposa), em 2019 foram 490 ocorrências, já em 2020 foram 325. O ano de 2021 começou com 40 ocorrências no Maranhão e 23 apenas sem São Luís. Vale ressaltar que esses dados são referentes aos acidentes que envolvem apenas os postes da rede de distribuição de energia elétrica. Sobre postes de iluminação pública é necessário consultar dados da Prefeitura.

De acordo com os órgãos de trânsito, estes acidentes geralmente ocorrem durante a madrugada ou finais de semana e são provocados por excesso de velocidade, estado de embriaguez, sonolência do condutor ou falhas mecânicas por falta de manutenção dos veículos. Outra causa frequente é a falta de atenção dos motoristas, como por exemplo, o uso do celular ao volante. As vias com o maior número de acidentes em São Luís são as avenidas: Jerônimo de Albuquerque, Daniel de La Touche, São Luís Rei de França, Guajajaras, Litorânea, Holandeses, Portugueses, Africanos, Franceses, Estrada da Maioba- MA – 202, e a Estrada de São José de Ribamar – MA 201.

Para que o número de acidentes pare de crescer, o esforço de prevenção deve partir principalmente dos condutores de veículos. Respeitar os limites de velocidade, não dirigir sob efeito de bebida alcóolica e não utilizar o celular ao volante são regras que, quando cumpridas, resguardam a vida do motorista, dos passageiros e da população de modo geral. Nos pontos com os maiores registros de ocorrências, houve a instalação de defensas (elementos de concreto na frente dos postes – atualmente essas defensas são feitas com manilhas cheias de areia), cujo objetivo é amortecer o impacto da colisão dos veículos em acidentes, dificultando a queda do poste sobre o carro e preservando assim a vida do motorista e dos passageiros.

Carregando