Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Investigações da Polícia Federal contam com ajuda dos Correios para coibir postagem de cédulas falsas

Quando algum objeto com conteúdo proibido ou ilícito é detectado, a empresa aciona os órgãos competentes.

Cédulas falsas estão sendo enviadas pelos Correios (Foto: Divulgação)

Na última sexta-feira (23), foi concluída a operação “Rebote Fakes 2”, realizada pela Polícia Federal com o objetivo de combater o crime de moeda falsa enviada pelo fluxo postal. A PF efetuou prisões em flagrantes em dez Estados – BA, CE, MA, MS, PA, PI, PE, PR, RJ e SP -, no decorrer da ação, que foi iniciada na terça-feira (20).

Polícia Federal prende três pessoas com 10 mil reais em cédulas falsas no Maranhão

As investigações contaram com o apoio dos Correios, que identificaram encomendas com conteúdo suspeito e acionaram a PF. O órgão realizou diligências para a localização e identificação dos destinatários. Desta forma, foi possível prender suspeitos de compra de cédulas falsas pela internet, que utilizavam os serviços postais para efetivação do delito.

Os Correios informaram que  trabalham em constante parceria com os órgãos de segurança pública para prevenir o tráfego de itens proibidos por meio do serviço postal. Quando algum objeto com conteúdo proibido ou ilícito é detectado, a empresa aciona os órgãos competentes.

Carregando