Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Fim de semana registra duas mortes por arma de fogo e uma por atropelamento em São Luís

Os casos aconteceram no Tibirizinho, Conjunto São Raimundo e Filipinho,

Renato Protásio foi assassinado a tiros, disparados por dupla de motoqueiros (Foto: Divulgação)

Nesse fim de semana, mais precisamente no domingo (20), dois homicídios e um atropelamento com morte foram registrados em bairros de São Luís. Os assassinatos foram cometidos com uso de armas de fogo, no Tibirizinho e no Conjunto São Raimundo; e o acidente de trânsito ocorreu na Avenida São Marçal, no Filipinho.

O primeiro homicídio ocorreu por volta das 14h30, tendo como vítima Renato Protásio Bezerra, de 34 anos, morador do bairro Tibirizinho. Ele foi morto a tiros, efetuados por dois suspeitos, ainda não identificados, na Rua da Pedreira, não muito longe da residência onde morava.

Segundo informações obtidas pelo Jornal Pequeno, no momento do crime, a vítima estava próxima à sua residência, quando foi surpreendida por dois suspeitos em uma motocicleta de cor vermelha e placa não identificada. Ao chegarem próximo do local, os homens efetuaram vários disparos de arma de fogo contra Renato Protásio, que morreu no local.

Após o crime, os autores fugiram, e até a noite de ontem, 21, não haviam sido capturados. Segundo a Polícia Militar, a vítima já tinha passagem pela Polícia Civil pelo crime de roubo, e a circunstância do crime seria um possível acerto de contas.

HOMICÍDIO NO SÃO RAIMUNDO

Já por volta das 15h45, Raimundo Nonato Santos Lira, de 29 anos, foi morto com dois disparos de arma de fogo, que atingiram a região da cabeça. O crime aconteceu próximo à residência da vítima, localizada na Rua 9, no Conjunto São Raimundo.

De acordo com informações colhidas pelo JP, no momento da ação criminosa, a vítima estava próxima de sua casa, quando os dois suspeitos chegaram em uma bicicleta e efetuaram dois disparos. Os tiros atingiram a região da cabeça de Raimundo Nonato, que ainda foi socorrido por familiares e levado ao Hospital Municipal Dr. Clementino Moura, o Socorrão 2, mas ele não resistiu aos ferimentos.

ATROPELAMENTO

No final da tarde, por volta de 17h22, Jackson Douglas Correia Coelho, de 47 anos, morador da Rua 4, no bairro da Redenção, morreu após ser atropelado por um veículo Toyota Corolla, na Avenida São Marçal, próximo às lanchonetes do Filipinho.

Após o atropelamento, a vítima ainda foi atendida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu aos ferimentos quando se encontrava dentro da ambulância.

Depois do ocorrido, o autor, segundo informações policiais, conseguiu fugir sem prestar socorro à vítima, pois teria ficado com receio de ser linchado. Algumas horas depois, ele se apresentou ao Plantão Central do Itaqui-Bacanga, onde foram adotadas as medidas necessárias.

Carregando