Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Após 43 dias internado, morre em São Luís o indiano infectado com a variante delta do novo coronavírus

Ele era um dos seis tripulantes do navio MV Shandong da Zhi, ancorado no litoral maranhenses, que testaram positivo para a variante.

Foto: Reprodução

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) confirmou a morte do tripulante indiano, de 54 anos, que estava internado em um hospital particupal de São Luís infectado com a variante delta do novo coronavírus. O paciente estrangeiro foi a óbito no último sábado, 26.

O indiano ficou 43 dias internado na UTI, após chegar a bordo do navio MV Shandong da Zhi, ancorado na costa do Maranhão. Outros cinco tripulantes da embarcação também testaram positivo para a variante indiana do coronavírus, mas sem sintomas mais severos.

Todas as pessoas que tiveram contato direto e indireto com o indiano foram testadas, mas os exames apresentaram resultados negativos para a variante Delta.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) se manifestou com nota de pesar:

Neste momento de dor e despedida, a SES se solidariza com a família e a tripulação estrangeira do navio ‘MV SHANDONG DA ZHI’, que permanece em área de fundeio, na região costeira de São Luís.

A Secretaria informa que o Consulado Indiano, a seguradora do navio e familiares do paciente já foram informados sobre o óbito para que sejam tomadas providências a respeito do protocolo funerário, sob orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Carregando