Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Claro vence lote na faixa mais importante do leilão do 5G

A faixa de 3,5 GHz é considerada a mais importante para o 5G no Brasil e é por onde essa tecnologia vai começar

Foto: Reprodução

A Claro venceu um lote na faixa mais importante do leilão de tecnologia 5G, que está sendo realizado nesta quinta (4). A empresa vai pagar R$ 338 milhões pelo espectro, com ágio de 5,18%. Além desse valor, ela terá que fazer investimentos obrigatórios.

A faixa de 3,5 GHz é considerada a mais importante para o 5G no Brasil e é por onde essa tecnologia vai começar.

As empresas vencedoras do lote de 3,5 GHz deverão oferecer 5G em municípios com mais de 30 mil habitantes, backhaul de fibra óptica em municípios, compromissos associados à migração de recepção de TV por antenas parabólicas e a implementação de redes públicas.

A Tim levou o terceiro lote de cobertura nacional na faixa de 3,5 GHz para o 5G. A empresa pagará R$ 351 milhões, com ágio de 9,22%.

Com isso, as três maiores operadoras de telefonia do país (Claro, Vivo e Tim) oferecerão a tecnologia 5G, que deve estar em todas as capitais até o próximo ano.

Não houve empresas interessadas no quarto lote nacional de 3,5 GHz no 5G.

O primeiro lote do leilão do 5G foi vencido pela Winity II Telecom (Fundo Pátria) para a faixa de 700 megahertz. A empresa aceitou pagar R$ 1,4 bilhão para a faixa, um ágio de 805,84% em relação ao preço mínimo.

A Winity II Telecom é a nova plataforma de infraestrutura wireless do Fundo Patria, grupo com grande experiência em telecomunicações, antigo dono da Highline, vendida para o fundo norte americano Digital Bridge em 2019.

Carregando