Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Cade aprova aquisição da Extrafarma pela Pague Menos

O negócio prevê, dentre outras obrigações, o desinvestimento de oito unidades, menos de 3% das lojas adquiridas.

Foto: Reprodução

O Tribunal Administrativo do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), em sessão de julgamento realizada nesta quarta-feira (22), aprovou a aquisição da Extrafarma, pertencente a Ultrapar (UGPA3), pelas Farmácias Pague Menos (PGMN3), de forma condicionada à celebração de Acordo em Controle de Concentrações (ACC). O negócio prevê, dentre outras obrigações, o desinvestimento de oito unidades, menos de 3% das lojas adquiridas.

Em cumprimento ao ACC, a Pague Menos e a Ultrapar já apresentaram ao Cade o contrato vinculante para a venda de todas as lojas a serem desinvestidas, sendo que o Cade aceitou o comprador indicado. Com a aprovação do Ato de Concentração pelo Cade, as empresas poderão seguir com o fechamento da transação, pelos termos do ACC, previsto para ocorrer em 1º de agosto de 2022, que ainda depende do cumprimento de determinadas condições precedentes previstas no contrato de compra e venda.

Com a aprovação de forma definitiva pelo Cade e o atendimento das condições previstas no ACC, a Pague Menos, primeira rede do varejo farmacêutico presente em todos os estados e DF, se tornará a segunda maior rede do varejo farmacêutico no Brasil em quantidade de lojas, com aproximadamente 1.600 filiais e R$ 10 bilhões em vendas.

“A transação acelera em três anos nosso plano de expansão. Paralelamente, seguiremos com o plano de expansão orgânica”, afirma Mário Queirós, CEO da Pague Menos.

Carregando