Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Maternidade de Alta Complexidade receberá projeto que reduz tempo na emergência

A Macma participará do projeto no triênio 2020/2022, com a proposta de reestruturar os serviços de urgência e emergência.

Macma participará do projeto no triênio 2020/2022, com a proposta de reestruturar os serviços de urgência e emergência (Foto: Julyane Galvão)

A Maternidade de Alta Complexidade do Maranhão (Macma) foi selecionada para integrar o projeto Lean nas Emergências, cujo objetivo é reduzir em até 45% o tempo do paciente nas emergências em hospitais públicos. A iniciativa é executada pelo Hospital Sírio-Libanês (SP), através do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS – Proadi/SUS, do Ministério da Saúde.

A Macma participará do projeto no triênio 2020/2022, com a proposta de reestruturar os serviços de urgência e emergência, capacitar os profissionais e implantar protocolos clínicos. Apoiado pelo uso da Metodologia Lean, o projeto avalia e desenvolve princípios e técnicas operacionais que reduzem o desperdício de recursos, aprimora valores e uma filosofia de qualidade que alcança todos os setores e, principalmente, melhora o fluxo de atendimento aos pacientes.

“O resultado será na melhoria da produção do hospital porque aumenta a produtividade com a rotatividade dos leitos, rapidez no tempo de alta das pacientes, diminuição da fila de espera e melhoria no faturamento. É mais qualidade de vida e saúde para o público atendido pela unidade de saúde”, explicou o diretor geral da maternidade, Hilmar Hortegal.

A unidade participou de uma etapa prévia para aprovação no projeto, que consistia na execução diária de tarefas e metas acompanhadas pela consultoria do Hospital Sírio-Libanês. As tarefas são apoiadas em dois principais indicadores para execução da metodologia: o NEDOCS (sigla em inglês para Escala de Superlotação do Departamento Nacional de Emergência), que mede o grau de superlotação do pronto-socorro e o risco dela para aos pacientes; e a LOS (sigla em inglês para Length of Stay), que mede tempo de permanência do paciente no pronto-socorro, com ou sem internação.

A metodologia Lean é reconhecida internacionalmente e contribui na identificação dos pontos de interrupção na rapidez do fluxo de atendimento em todos os setores. Os indicadores incluem todos os protocolos já utilizados pela maternidade.

A Maternidade de Alta Complexidade é referência no atendimento à saúde materno-infantil de forma humanizada e multidisciplinar, proporcionando acolhimento às gestantes classificadas de alto risco, puérperas, bebês e familiares. Além de segurança às gestantes e puérperas, proporcionada pelo pré-natal em ambulatórios de alto risco e UTI Materna, a maternidade também dispõe de UTI Neonatal. A maternidade da rede da Secretaria de Estado da Saúde (SES) é gerenciada pelo Instituto Acqua.

Carregando