Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

AVB lançará primeiro condomínio empresarial do Maranhão

O lançamento do novo polo ocorrerá em março, com evento de recepção a potenciais investidores e representantes institucionais

Vista aérea AVB (Foto: Divulgação)

Com o objetivo de atrair clientes às suas proximidades e auxiliar no desenvolvimento do Maranhão, a Aço Verde Brasil (AVB), indústria de produção e laminação de aços longos, pertencente ao grupo Farroeste, lançará em Açailândia o Polo Metal Mecânico Aço Verde. Trata-se de uma área destinada à instalação de novas indústrias que têm demanda pelo aço verde.

Para a concretização do projeto, a empresa buscou parceria com os governos municipal, por meio do prefeito de Açailândia, Aluísio Souza, e estadual, em reunião com o secretário de Indústria e Comércio (Seinc), Simplício Araújo, no intuito de atrair a atenção e investimento das indústrias. Iniciativa que deve gerar emprego e renda a centenas de famílias maranhenses.

“Estamos lançando o Polo Metal Mecânico Aço Verde, ao lado da usina. Serão 20 lotes para parceiros da AVB que queiram investir e beneficiar o aço verde. As empresas serão agraciadas com terreno subsidiado pela AVB, energia elétrica barata, benefícios fiscais federais, estaduais e municipais, além de logística favorável para o  escoamento dos produtos aos mercados interno e externo”, garantiu o proprietário da AVB, Ricardo Carvalho.

O lançamento do novo polo ocorrerá no próximo mês de março, quando a diretoria da AVB realizará um evento de recepção a potenciais investidores e representantes institucionais, a fim de apresentar o projeto e seus inúmeros benefícios.

“Vamos juntos criar o Polo Metal Mecânico Aço Verde, contribuindo para este grande estado nordestino, aproveitando o potencial humano e logístico desta região, além da matéria-prima de alta qualidade que é o aço verde, produzindo assim diversos produtos subsequentes da cadeia. Queremos transformar oportunidades em realidade”, ressaltou Ricardo Carvalho.

Grupo Farroeste

O grupo Ferroeste iniciou suas atividades no Maranhão há mais de 30 anos, por meio da Siderúrgica Gusa Nordeste, situada no Distrito Industrial do Piquia, sendo uma das empresas que mais contribuiu com o desenvolvimento econômico e social de Açailândia e região.

O grupo, na contramão das crises econômicas mundiais, não só manteve suas atividades de siderurgia, como também viabilizou um grande projeto: a Aço Verde do Brasil (AVB), indústria de produção e laminação de aços longos.

Com um investimento que está sendo realizado desde 2009, a AVB iniciou suas atividades em dezembro de 2015, com a proposta de não somente de produzir aço, mas produzir o primeiro “ aço verde” do mundo, livre de combustíveis fósseis, não contribuindo assim para o aquecimento global, em todos os seus processos.

“Fornecer produtos provenientes de energia renovável, com qualidade superior e responsabilidade socioambiental. Estes são os três pilares que sustentam o compromisso empresarial e posicionam a marca Ferroeste como uma das mais respeitadas da indústria brasileira”, destacou o presidente da AVB, Ricardo Carvalho.

Carregando