Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Dr. Gutemberg pede suspensão dos pagamentos de água e energia por 60 dias para pessoas de baixa renda

O vereador ainda citou uma série de medidas que vai encaminhar à Prefeitura de São Luís para fortalecer o combate ao coronavírus.

Vereador ainda citou uma série de medidas que vai encaminhar à Prefeitura de São Luís (Foto: Divulgação)

Em entrevista à rádio Educadora, o vereador Dr. Gutemberg Araújo propôs ao poder público a suspensão dos pagamentos de água e energia por 60 dias para pessoas de baixa renda. O vereador ainda citou uma série de medidas que vai encaminhar à Prefeitura de São Luís para fortalecer o combate ao coronavírus.
Recentemente, em suas mídias sociais, Dr. Gutemberg anunciou a destinação de R$ 100 mil reais de suas emendas da saúde para o combate ao Coronavírus e aos surtos de H1N1 na cidade.

“Nesse período de isolamento social, é provável que muitos percam os empregos. A população de baixa renda pode sofrer ainda mais. Outra questão é o setor privado ter a sensibilidade e vender o álcool em gel a preço de custo. Precisamos de fiscalização neste caso. Mas volto a falar: lavar bem as mãos, até os pulsos e braços se você costuma apoiá-los em várias superfícies, ainda é o ideal. E evite ao máximo aglomerações”, alerta o vereador.

Em relação à campanha nacional contra o H1N1, Dr. Gutemberg ainda solicitou para que se tenham postos de vacinação nos Terminais de Integração, Terminal da Ponta da Espera, hotéis e para que os agentes de saúdes possam levar as vacinas às casas dos idosos que tenha restrição para locomoção.

O parlamentar lembrou que a recomendação de isolamento social foi o tema de um dos seus primeiros pronunciamentos na Câmara Municipal, logo após se detectar casos suspeitos de coronavírus no país.

“O momento não é para desespero. Apenas faça a sua parte. Como? Saia somente se for necessário, e tome todos os cuidados com a higiene pessoal. O isolamento social ajuda a salvar vidas e desafoga essa pressão no Sistema de Saúde. O Coronavírus não faz distinção entre jovens, homens e mulheres, ricos e pobres. Ainda que seja mais perigoso ao atingir alguns grupos. E, volto a falar, vamos cuidar dos nossos idosos, eles integram o principal grupo de risco”, finalizou.

Carregando