Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Casos da Covid-19 avançam no interior do Maranhão e taxa se aproxima de 42%

O aumento de casos no interior tem despertado a preocupação de parlamentares maranhenses

O novo coronavírus tem se propagado no interior do Maranhão em larga escala. Dados oficiais revelam que o estado registrava, até quarta-feira (13), 9.801 casos confirmados de Covid-19, dos quais 41,7% (4.094) estão espalhados por 171 municípios do interior. No dia 1º de maio, 17% das 3.805 confirmações (668) eram de fora da Ilha de São Luís, em 90 cidades.

Já, dos 470 óbitos até quarta, 17% referem-se a municípios do interior. No primeiro dia do mês, essa taxa era de 12%.

O aumento de casos no interior tem despertado a preocupação de parlamentares maranhenses, como Juscelino Filho (DEM), que protocolou na Mesa Diretora da Câmara dos Deputados requerimento de informação direcionado ao secretário estadual de Saúde, Carlos Lula, pedindo detalhamento das ações tomadas pelo Governo do Maranhão no enfrentamento do coronavírus em todos os municípios.

Deputado Juscelino, do DEM (Foto: Divulgação)

“Tenho acompanhado as fortes medidas do governo estadual para controlar o distanciamento social na Ilha de São Luís. Mas preocupa o avanço da Covid-19 em todo o interior maranhense, onde os números de casos, internações e mortes aumentam rapidamente. Há municípios se preparando, comprando até respiradores, mas poucos têm condições para ter uma estrutura adequada para esse grave momento”, alertou o deputado.

INFORMAÇÕES

No documento protocolado na Câmara e endereçado à Secretaria de Saúde do Maranhão, Juscelino Filho faz vários questionamentos em relação à pandemia. “Quero saber quais unidades da rede estadual de saúde no interior estão atendendo pacientes com o coronavírus? Quantos leitos clínicos e de UTI há nessas unidades? Além do hospital de campanha de Açailândia, que já está em execução, há previsão de implantar outro dessa natureza no interior? Como está o estoque de EPIs para profissionais de saúde, testes rápidos, PCR e sorologia? São questões essenciais nesta árdua luta contra a Covid-19”, afirmou.

UNIDADES E MEDIDAS

O deputado defendeu, ainda, que as principais regiões do Maranhão disponham de unidades de saúde para atender exclusivamente pacientes com coronavírus, a exemplo do que ocorre na região do Vale do Pindaré. “Na semana passada, liguei para o secretário Carlos Lula. Após receber muitas demandas, pedi a ele que fale com o governador Flávio Dino para transformar o Hospital Macrorregional de Santa Inês em uma unidade exclusiva para atender Covid. Lá temos muitos leitos clínicos e entre 10 e 12 de UTI”, revelou.

Carregando