Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Acusado de crimes cibernéticos é preso em São Luís

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva em desfavor de um dos integrantes da quadrilha

Material apreendido na casa do suspeito (Foto: Divulgação)

Clonagem de cartões de créditos, compras em sites e revendia de mercadorias na própria internet, por meio da OLX, Facebook, WhatApp e outros aplicativos. Assim funcionava o golpe de uma quadrilha que age em São Luís, e já fez como vítima, também, o Aquapark Valparaíso, que teve como prejuízo causado por esses indivíduos a venda de ingressos comprados de forma fraudulenta, gerando prejuízo de mais de R$ 40 mil.

Após 11 meses de investigação, a Polícia Civil do do Maranhão, por meio do Departamento de Combate a Crimes Tecnológicos (DCCT/SEIC), cumpriu nesta quarta-feira, 03, mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva em desfavor de um dos  integrantes da quadrilha. O suspeito foi preso no bairro Jardim América, em São Luís.

Em depoimento, o investigado afirmou que participava da quadrilha, e confirmou a participação de outros membros envolvidos no crime cibernético. Desta forma, a operação prosseguirá no intuito de localizar e identificar outros possíveis integrantes.

Após todos os trâmites documentais no departamento policial, o investigado foi encaminhado para realização de exame de corpo de delito e apresentação no Centro de Triagem de Pedrinhas, onde o ficará à disposição da Justiça.

Carregando