Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Preso mais um suspeito de participação na morte de motorista da Secap, em 2019

O preso, identificado como Gustavo Campos, tem 22 anos e é morador do bairro do São Francisco

Motorista da Secap foi morto em setembro de 2019, e Gustavo Campos teria sido o autor dos disparos (Foto: Divulgação)

Foi preso, nessa terça-feira (9), pela Polícia Militar, mais um envolvido no latrocínio que vitimou Luís Henrique Melo Matos, que era motorista da Secretaria de Comunicação e Assuntos Políticos (Secap), do governo do Maranhão. O crime ocorreu em setembro do ano passado, no bairro do Calhau, em São Luís.

O preso, identificado como Gustavo Campos, tem 22 anos e é morador do bairro do São Francisco, local onde também foi capturado. De acordo com as investigações da Polícia Civil, ele foi o responsável pelos disparos que tiraram a vida do motorista.

Segundo o delegado Felipe César, da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), em depoimento, o suspeito teria confessado o crime.

“Ele disse querer roubar o cordão que estava no pescoço da vítima, mas a mesma reagiu e ele acabou efetuando os quatro disparos. Nas imagens de câmeras de segurança da região, ele aparece claramente executando a vítima”, pontuou o delegado.

Após o crime, Gustavo teria fugido para o interior do estado. Conforme apurado pela Polícia Civil, o suspeito, que já foi preso anteriormente pelos crimes de tráfico de drogas e roubo, esteve escondido nas cidades de Santa Inês e Pindaré-Mirim.

Ainda segundo o delegado Felipe César, quatro pessoas teriam participado do latrocínio. Em outubro, já haviam sido presos Matheus Gomes Pereira e Wanderson dos Santos Silva. O quarto envolvido morreu meses atrás, durante uma tentativa de assalto. Todos integravam uma facção criminosa que atua na região do bairro do São Francisco.

Após os procedimentos necessários, o preso foi encaminhado ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ficará à disposição da Justiça.

RELEMBRE O CASO

Na tarde do dia 6 de setembro de 2019, Luiz Henrique Melo de Matos, conhecido como “Louro”, de 63 anos, foi assassinado a tiros, na Rua Garopas, no bairro do Calhau, em São Luís. A vítima era motorista do secretárioa djunto da Secretaria de Estado da Comunicação e Assuntos Políticos (Secap), Ednaldo Neves.

No dia do crime, o motorista aguardava o irmão do secretário na rua, dentro de um carro modelo Renault, placa QPI9851, quando os suspeitos chegaram em um veículo Agile prata, de placa não identificada. Na ocasião, dois desceram e um deles atirou na vítima, que morreu no local.

Luiz Henrique foi atingido com quatro disparos, sendo dois no pescoço do lado esquerdo, um na região esquerda da clavícula e um na região temporal. O carro em que ele foi morto tinha sido pego horas antes em uma locadora nas proximidades. Ele havia ido ao local do crime para dar uma carona ao irmão do secretário.

Carregando