Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Caema passa a emitir fatura no momento da leitura

Sistema também atualiza o cadastro do consumidor e reduz o tempo entre a coleta dos dados da leitura e o envio da conta para as residências

Passa a ser utilizado microcoletor com impressora portátil (Foto: Divulgação)

A Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) deu início à implantação do Microcoletor com impressora portátil, que imprime a conta no momento da leitura do hidrômetro. O novo sistema também atualizará a situação cadastral do consumidor quando necessário e reduzirá,segundo a Caema, o tempo entre a coleta dos dados da leitura e o envio da conta para as residências.

De acordo com o gerente de Comercialização da Caema, Ygor Frazão, atualmente o processo ocorre da seguinte maneira: um colaborador da Companhia realiza a leitura do hidrômetro e encaminha os dados à gerência em questão, para fazer um procedimento chamado “consistência”, que compara as informações da leitura e dos valores para confirmar se estão corretos. A partir daí esses dados são encaminhados para a gráfica, que imprime as contas e voltam para a gerência que, por sua vez, as enviará às residências.

Todas essas etapas, que levam cerca de 15 a 20 dias, serão resumidas em apenas alguns minutos com o Microcoletor.

“Para a Companhia, um processo que atualmente em termos de tempo demora de 15 a 20 dias, será realizado na hora. O funcionário será enviado, fará a leitura, realizará naquele momento a Consistência pelo sistema e gerará a fatura. Além disso, o sistema que roda no coletor já está pronto para atualizar a situação cadastral do consumidor, caso necessário. Com isso, nossos colaboradores terão mais tempo para se dedicar a outras atividades e quanto aos nossos clientes, as contas serão antecipadas e haverá um prazo maior para pagamento das mesmas, pois vamos funcionar em um regime de maior celeridade”, explicou o gerente de comercialização, Ygor Frazão.

A medida foi posta em prática pela primeira vez na última segunda-feira (8), na gerência de negócios do Vinhais e pelos próximos 4 meses já deve atender toda a cidade de São Luís. A previsão é que em 12 meses a ação também seja ampliada para todo o estado, abrangendo as gerências do interior.

Carregando