Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Eneva e Governo do Maranhão entregam hospital de campanha em Pedreiras

Empresa destinou R$ 1 milhão para a compra de leitos, equipamentos e EPIs

Leitos do Hospital de Campanha em Pedreiras (Foto: Márcio Sampaio / SES)

O Hospital de Campanha Dr. Kleber Carvalho Branco foi entregue nesta segunda-feira,15, para atender à população dos municípios do Médio Mearim no tratamento da Covid-19. A iniciativa do Governo do Maranhão contou com o apoio da Eneva, que está investindo R$ 1 milhão na compra de equipamentos hospitalares e de proteção individual (EPIs) para os profissionais de saúde.

Foram entregues 1.130 itens de EPIs, como os 40 leitos que vão compor a unidade, monitores, autoclaves horizontal, cilindros de oxigênio, aspiradores cirúrgicos portáteis, micronebulizador, desfibrilador, mobiliários em geral, entre outros.

Do total de itens doados pela Eneva, 700 estão sendo adquiridos com fornecedores do Maranhão e correspondem a metade do valor investido pela empresa (R$ 500 mil).

“Além de apoiar o governo estadual no combate à pandemia da Covid-19, buscamos também priorizar os fornecedores locais, comprando o máximo possível de itens hospitalares no Maranhão. Somente buscamos em outras regiões o que não estava disponível no Estado, considerando a alta demanda do momento e a urgência de entrega”, explica o diretor de Operações do Complexo Parnaíba, Vilmar Carneiro.

O diretor ressalta ainda que o momento é de unir forças e ajudar no que for possível para superar a situação “Precisamos nos unir aos governos e sociedade civil para combater esse vírus que nos assola. A Eneva não poderia deixar de ser solidária e responsável neste momento de urgência, principalmente com os nossos colaboradores e com as comunidades que estão próximas as nossas operações. Estamos redobrando os cuidados e a atenção para manter as operações essenciais de fornecimento de energia, sem descuidarmos do bem-estar das pessoas”, acrescentou.

O secretário de Estado da Indústria e Comércio, Simplício Araújo, participou do evento representando o governador Flávio Dino. “Quero destacar esse esforço que o governador Flávio Dino tem feito para entregar unidades como essa por todo o Maranhão. Quando a pandemia começou, o estado tinha um pouco mais de 200 leitos e hoje esse número já ultrapassa os 1.700, números só comparados a São Paulo por exemplo. Um esforço em equipe que envolve vários poderes e sociedade privada, e que demonstra que essa é uma luta onde cada um tem que fazer a sua parte”, lembra o secretário Simplício Araújo.

“Estamos felizes por entregar este hospital e com certeza ficaremos mais felizes ainda quando estivermos fechando, pois irá significar que vencemos o coronavírus. E fechando este hospital voltaremos aqui para fazer outra entrega que será a entrega definitiva do Hospital Regional de Pedreiras, o qual a cidade já espera há tanto tempo, pois sabemos que temos essa dívida com a região”, ressalta o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Todos os itens hospitalares adquiridos pela Eneva serão usados pelo Estado em outras unidades de saúde quando o hospital de campanha for desmobilizado. O apoio ao governo estadual se soma as outras ações já realizadas pela empresa para ajudar as entidades públicas e comunidades no combate ao coronavírus.

Além das doações ao hospital de campanha em Pedreiras, a Eneva já entregou cinco respiradores ao Estado e também tem buscado ajudar os municípios do Médio Mearim e as comunidades locais. Até o momento, foram doadas 4.200 cestas de alimentos, que beneficiaram mais de mil famílias em vulnerabilidade social, e dois mil kits de higiene. E está sendo implementado o projeto Costurando para o Bem, que vai apoiar costureiras e artesãs dos municípios para produzir máscaras e jalecos.

Empresa integrada de energia, a Eneva une a atividade de exploração e produção de gás natural em terra à geração de energia. As operações da empresa estão concentradas no Norte e Nordeste do país e contribuem para o aumento da segurança energética das regiões e para a modicidade tarifária.

A companhia é responsável por 46% da capacidade instalada de geração térmica do subsistema Norte e 11% da capacidade instalada de geração a gás do país.

Carregando