Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Mulher é executada a tiros dentro de casa em Bacabeira

Há a possibilidade de integrantes de facções criminosas que atuam na região terem participação no crime.

Uma mulher, identificada como Maria Regina Costa Guimarães, de 42 anos, foi morta a tiros, dentro de sua própria casa, no povoado Peris de Baixo, no município de Bacabeira. O crime ocorreu na noite da última terça-feira (23), e pode se tratar de um latrocínio (roubo que resulta em morte).

Maria Regina Costa foi morta a tiros, por dois homens que invadiram a casa dela, em Bacabeira (Foto: Bacabeira)

De acordo com o delegado Ednaldo Santos, que investiga o caso, a vítima foi atingida com vários tiros. “Estamos trabalhando com a linha de latrocínio, mas não descartamos, até pelas circunstâncias do crime, que pode se tratar mesmo de uma execução”, explicou.

Para o delegado, há a possibilidade de integrantes de facções criminosas que atuam na região terem participação no crime. “Eles podem ter imaginado que ela colaborassecom informações para a polícia e,por essa razão, tenha sido alvo desses criminosos. Mas, nada está confirmado, porque ainda estamos no início das investigações”, frisou.

Ainda segundo Ednaldo Santos, no momento do crime, Maria Regina foi abordada, correu para dentro da residência e foi perseguida pelos dois suspeitos, que chegaram ao local em uma motocicleta. Após o crime, a dupla fugiu e ainda não foi localizada. A mulher morreu no local.

MAIS HOMICÍDIOS NO INTERIOR

Também na terça-feira (23), duas pessoas foram mortas nas cidades de João Lisboa e Açailândia. Ambos foram assassinadas com disparos de arma de fogo.

Em Açailândia, a vítima foi identificada como Pauliano Feitosa Madeira. No momento do crime, o jovem chegava na Vila Ildemar, quando foi surpreendido por um homem em uma moto. O suspeito, segundo testemunhas, já chegou atirando. Populares chegaram a acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a vítima morreu ainda no local do crime.

Pauliano havia chegado do estado de Goiás e passava alguns dias no município. O autor do homicídio, que ainda não foi identificado, fugiu logo após o crime.

Já em João Lisboa, Diego Oliveira da Silva, de 19 anos, foi executado dentro da residência dele, localizada na Rua Arthur da Costa e Silva, bairro Cidade Nova. A vítima, de acordo com a Polícia Civil, estava deitada em uma rede na sala, quando cinco homens invadiram o local e a alvejaram com pelo menos sete tiros. Diego morreu na hora e os suspeitos fugiram.

A Polícia Civil de Imperatriz investiga a identidade dos autores e a motivação do crime.

Carregando