Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Chega ao Brasil o maior carregamento de máscaras vindas da China

Aeronave da Latam pousou nesta terça-feira (7), em São Paulo, com 11,8 milhões de máscaras a bordo

Foto: Reprodução

Chegou nesta terça-feira (7) o voo da LATAM com a maior quantidade de máscaras cirúrgicas já transportadas desde o início da operação com o Ministério da Infraestrutura para trazer ao país insumos de combate à Covid-19. A aeronave trouxe 11,8 milhões de máscaras a bordo, um recorde em relação a outro voo da companhia, que aterrizou no Brasil no dia 2 de junho com 9,2 milhões de máscaras.

O voo de hoje é o 33º dos mais de 40 voos contratados pelo Governo Federal trazer os materiais da China. Desde o dia 6 de maio, o país já recebeu 220 milhões de máscaras cirúrgicas e do tipo N95 de um total de 240 milhões de unidades adquiridas pelo Ministério da Saúde. Serão mais de 40 voos fretados pelo MInfra para transportar a carga.

“No início da crise, assumimos um desafio logístico imenso para ajudar o Ministério da Saúde, os estados e os municípios com o abastecimento de EPIs em todas as regiões do Brasil. Uma verdadeira operação de guerra foi montada e, de modo contínuo, em uma média de 48h, estamos transportando 960 toneladas de equipamentos no total. É uma vitória silenciosa do governo federal que está ajudando a garantir as condições necessárias para o enfrentamento da pandemia”, afirma o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Já para o diretor da LATAM Cargo Brasil, Diogo Elias, essa é uma missão importante para o Brasil e cada vez mais a empresa está bem qualificada para transportar esse carregamento. “Nossas equipes estão ficando especialistas neste tipo de carregamento de carga a bordo, algo que era inédito no Brasil até o início da pandemia. A carga que estamos transportando nesta missão é tão importante que nos motiva a dar nosso melhor e bater nossos próprios recordes operacionais”, pontuou.

Carregando