Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Ministro da Infraestrutura garante avanço nos estudos para Terminal Privado de Alcântara

Se concretizado, projeto pode garantir ao estado o maior terminal portuário do Brasil.

Projeto do Terminal Privado de Alcântara (Foto: Divulgação)

O Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, afirmou nessa sexta-feira (31) que investidores estrangeiros estão animados com potenciais investimentos no Brasil, sobretudo no Maranhão. A implantação do Terminal Privado em Alcântara, conforme destacou, é um dos estudos que tem avançado. Se concretizado, projeto pode garantir ao estado o maior terminal portuário do Brasil.

“Temos o grupo português [Quadrante] estudando a implantação do terminal privado em Alcântara. Estamos com a empresa de planejamento logístico estudando como a gente pode fazer a provisão de logística para alavancar esse negócio, pois Alcântara tem um grande potencial”, disse Freitas, durante reunião virtual com membros da bancada federal, o vice-governador Carlos Brandão e outras autoridades.

O ministro acredita que o acordo de salvaguardas tecnológicas colocou o Maranhão em um novo patamar, inserindo o estado no business de alta tecnologia de lançamento de foguetes e agregando todos os negócios advindos disso. “Agora, precisamos integrar o Maranhão à ferrovia Transnordestina e à Ferrovia Norte Sul. Os estudos também estão sendo feitos. É preciso conciliar orçamento privado com orçamento público”, destacou.

Ainda de acordo com o ministro, os investidores estrangeiros têm se mostrado animados. Entre os motivos, a tradição do Brasil de respeito ao contrato, o extenso portifólio brasileiro, excelentes ativos que o país tem a oferecer com muitos atrativos e a estruturação de projetos sofisticados, com a mitigação de riscos.

Freitas ainda destacou que o país chama atenção dos investidores, mesmo em meio à crise, por passar segurança para o investidor. Muitos, acredita ele, estão atentos ainda a possibilidade de reforma tributária e ao programa de concessões do governo brasileiro.

Carregando