Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Rede de Ódio: “Parasita das fake news” vai virar série da HBO

O filme tem sido chamado de “‘Parasita’ das fakes news”

(Foto: © Divulgação/Netflix)

Lançado no final de julho na Netflix, o filme polonês “Rede de Ódio” (The Hater) tem dado tanto o que falar que vai virar série.

O motivo da repercussão é que seu tema não sai dos noticiários atuais, inclusive no Brasil, onde muito se discute sobre um gabinete do ódio no governo Bolsonaro.

A trama acompanha um jovem (Maciej Musialowski) especialista em criar campanhas de ódio nas redes sociais, que usa racismo, homofobia e xenofobia como armas para progredir na vida e, graças a este talento, começa a ganhar dinheiro com políticos. Claramente um sociopata, o personagem central aos poucos começa a levar seu comportamento agressivo para a vida real.

O filme tem sido chamado de “‘Parasita’ das fakes news”.

O detalhe é que a produção da série escapou das mãos da Netflix e será desenvolvida por uma das suas maiores rivais, a HBO.

O diretor Jan Komasa (o mesmo do excelente “Corpus Christi”) e o roteirista Mateusz Pacewicz vão produzir a adaptação de seu filme, junto com o americano Dan Farah (produtor de “Jogador Nº 1” e “As Crônicas de Shannara”). Em comunicado, ele definiu “Rede de Ódio” como “um thriller fascinante, ao mesmo tempo em que é um comentário social provocativo e universal”.

Ainda não há mais detalhes sobre a adaptação, como, por exemplo, se a trama será transportada para os EUA para refletir as campanhas de ódio da direita americana. Também não foram informados equipe técnica, cronograma de produção e expectativa para a estreia.

Veja abaixo o trailer de “Rede de Ódio”.

Carregando