Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Esposa confessa que matou o marido com golpes de picareta em Imperatriz

Avó da vítima de 88 anos, que sofre do mal de Alzheimer, estava presa pelo crime

Adão Carvalho foi morto com golpes de picareta (Foto: Divulgação)

No último dia 1º de agosto, uma idosa de 88 anos foi presa acusada de matar o  neto que criava como filho com golpes de picareta. O crime ocorreu na Rua Dois, do bairro Bacuri, na cidade de Imperatriz.

No entanto, na última quinta-feira, 27, a polícia informou que a esposa da vítima confessou o crime. A idosa, que sofre do mal de Alzheimer, foi libertada por decisão do Juizado Especial. Adão Conceição Carvalho, de 46 anos, foi assassinado no dia 31 de julho.

De acordo com a polícia, para chegar até a suspeita, foram identificadas contradições nos depoimentos da investigação, como o fato da senhora de 88 anos ter a força física incompatível com a brutalidade do crime.

Em depoimento anterior, a afirmou que chegou a pedir ajuda, quando, segunda a polícia, a idosa quem procurou socorro, conforme relato de algumas testemunhas.

A mulher alegou que cometeu o crime por conta de agressões sofridas por parte do marido, mas a polícia ainda investiga essa possibilidade, pois acredita que as intrigas entre os dois ocorriam devido ao sumiço de dinheiro, pelo fato de a acusada ser, segundo o delegado Praxísteles Martins, usuária de drogas.

O delegado afirmou que o pedido de prisão da esposa suspeita de cometer o crime deve ser pedido nas próximas horas.

Carregando