Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

The Walking Dead vai acabar na próxima temporada

Deste modo, a atração deve repetir a conclusão da história em quadrinhos de Robert Kirkman, em que é baseada

© Divulgação/AMC

O canal pago americano AMC anunciou que “The Walking Dead” vai acabar em sua próxima temporada, a 11ª, prevista para 2021.

Deste modo, a atração deve repetir a conclusão da história em quadrinhos de Robert Kirkman, em que é baseada. A publicação terminou no ano passado após a incorporação dos personagens numa nova e grande comunidade, cujo contato inicial está prestes a acontecer na série.

Para permitir que toda a história dos quadrinhos seja contada, a 11ª temporada será vitaminada com 24 episódios, em vez dos 16 tradicionais. Além disso, a exibição dos capítulos será dividida em duas partes e estendida por dois anos – ou seja, o final só vai acontecer em 2022.

Vale lembrar que a AMC já tinha estendido a 10ª e atual temporada com mais seis episódios, que ainda serão produzidos para ir ao ar no começo de 2021. Isto significa que a série ainda transmitirá 30 capítulos até acabar. Na prática, é quase como se fossem duas temporadas e não apenas uma.

O fim de “The Walking Dead” não significa que os personagens deixarão a TV. Os produtores preparam um novo spin-off, que acompanhará Daryl (Norman Reedus) e Carol (Melissa McBride) a partir de 2023. Será o terceiro spin-off da série original, após “Fear the Walking Dead” e o vindouro “The Walking Dead: World Beyond”, que estreia em outubro. Por sinal, qualquer dessas séries pode absorver personagens da principal. A própria “Fear the Walking Dead” já inclui dois egressos da série-mãe, Morgan (Lennie James) e Dwight (Austin Amelio).

“Já se passaram 10 anos e o que está por vir são mais dois anos e mais histórias para contar além disso”, disse o produtor Scott M. Gimple, responsável pela família de séries de zumbis do canal AMC. “O que está claro é que esta série tem sido sobre os personagens vivos, feita por um elenco apaixonado e a equipe de roteiristas-produtores que deram vida à visão apresentada por Robert Kirkman em seus quadrinhos brilhantes – e apoiados pelos melhores fãs no mundo. Ainda temos muitas histórias emocionantes para contar e, então, este final será o começo de mais ‘Walking Dead’ – novas histórias e personagens, rostos e lugares familiares, novas vozes e novas mitologias. Será um grande final que levará a novas estreias. A evolução está sobre nós. ‘The Walking Dead’ vive. ”

O universo dos zumbis está, de fato, bastante vivo e pode crescer muito mais. Além do spin-off de Daryl e Carol, Gimple também está desenvolvendo uma série de antologia, “Tales of the Walking Dead”, que apresentaria episódios individuais ou arcos centrados em personagens determinados, com histórias completas e autônomas. Este projeto, porém, ainda não foi oficializado e precisa de aprovação do canal AMC para ser produzido.

Carregando