Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Preso acusado de assassinar e esquartejar adolescente em Coroatá

Os pés e as mãos da vítima foram encontrados dentro de uma caixa de papelão, e o resto do corpo em uma sacola num matagal.

Jhonatan Souza confessou ter matado e esquartejado o adolescente (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil prendeu, em Coroatá, um indivíduo identificado como Jhonatan da Silva Souza, de 21 anos, acusado de matar e esquartejar o adolescente Alan Vieira, na noite da última segunda-feira, 28, naquele município.

Os pés e as mãos da vítima foram encontrados dentro de uma caixa de papelão no bairro Areal, e o resto do corpo em uma sacola em um matagal. O crime, segundo o delegado Francisco Fontinele, ocorreu na casa em que o acusado trabalhava.

Em depoimento, Jhonatan confessou ter matado o jovem a facadas e também o esquartejado. A ideia, conforme ele, seria dificultar a localização da vítima. A namorada de Jhonatan, uma adolescente de 16 anos, também foi apreendida por possível participação no caso, fato negado pelo suspeito.

“O preso falou que a namorada sabia que ele cometeria o crime, mas que não o ajudou. Apenas auxiliou a limpar o local. Nós pensamos de forma diversa, creio que ela ajudou diretamente na ocultação do cadáver”, pontuou o delegado.

A polícia chegou até o suspeito depois de as investigações terem apontado que os dois estariam juntos no dia anterior ao homicídio e que, desde então, Alan não havia mais sido visto. Ele convidou o jovem para jogar baralho no local, de acordo com a polícia.

Sobre a motivação do crime, além de uma dívida de jogo que Jhonatan tinha com a vítima, ele alegou que teria sumido um valor da residência e que Alan é quem teria subtraído.

O suspeito foi autuado por homicídio, ocultação de cadáver e corrupção de menores. Em seguida, foi encaminhado à Unidade Prisional de Ressocialização (UPR) de Coroatá, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

Carregando