Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Duarte aposta em cultura e turismo para impulsionar geração de emprego e renda em São Luís

Candidato afirmou que setores receberão forte investimento para fomentar a economia da cidade.

Duarte participou de um evento no Armazém da Estrela, no Centro Histórico (Foto: Divulgação)

O candidato à Prefeitura de São Luís Duarte (Republicanos) teve como um dos primeiros compromissos dessa quarta-feira (7) o Bora Resolver, realizado no Armazém da Estrela, no Centro Histórico. Dessa vez, o diálogo foi sobre “emprego e renda” e ações conjuntas nas áreas da cultura e turismo para estimular a economia da capital.

Duarte tem reiterando sobre as prioridades de sua possível gestão. Ele projeta investir 50% de todo o orçamento municipal nas áreas da Saúde e Educação. No entanto, sem descuidar de todas as outras áreas, e a cultura e o turismo, segundo ele, receberão forte investimento para fomentar a economia da cidade.

“A indústria do entretenimento é a 3ª que mais gera emprego e renda no mundo. Existe toda uma cadeia produtiva que vive e consome em razão dos eventos. Por isso, nós vamos expandir o calendário de eventos, de janeiro a dezembro. Nós vamos reduzir os impostos da rede hoteleira de 5% para 2% e vamos criar também as áreas de livre cultura e turismo, onde será possível realizar eventos, além das 2h da manhã, realizar festivais, fazer com que a nossa cidade entre no calendário dos grandes eventos. Vamos divulgar fortemente a cidade de São Luís fora do país, pra trazer mais consumidores, trazer mais turistas e, assim, claro, gerar mais emprego e renda”, afirmou o candidato. 

Ele comentou ainda que não somente as secretarias de Cultura e Turismo serão ocupadas por alguém técnico, mas também por quem entenda de gestão, independentemente de partido. “Todas as minhas indicações, absolutamente todas, serão técnicas”, garantiu.

Local do Bora Resolver Emprego e Renda, o Armazém da Estrela, que existe desde 2020, tem como proprietário Fred Brandt. Ele comentou sobre a discriminação que ainda existe contra produtores culturais e artistas que vivem de sua arte e do empreendedorismo que fomenta essa rede de entretenimento.

“Às vezes a gente é visto até como criminoso. A gente só está gerando empregos. Aqui, no Armazém, 50 pessoas trabalham na noite. E que muitos armazéns surjam, não só no Centro, mas por toda a cidade, pois não temos a intenção de sermos sozinhos. Venho acompanhando o Duarte. Ele tem sensibilidade e sabe que a cultura e o turismo têm muita importância”, comentou o empresário.

PROPOSTAS

  • Construir área destinada ao lazer, cultura e ao turismo gastronômico com o incentivo a bares e restaurantes, onde atualmente funciona o Terminal da Praia Grande.
  •  Construir um terminal no Anel Viário e transformá-lo em um verdadeiro shopping de serviços, da mesma que os demais. • Construir um Centro de Convenções Municipal no Cais da Alegria.
  •  Reformar o Mercado Central.
  •  Criar áreas de livre cultura e turismo para incentivar a realização de congressos, excursões, eventos culturais e festivais – que se estendam até o amanhecer, como já acontece em Fortaleza e Recife.
  •  Organizar um calendário estendido de eventos que dure todo o ano. • Reduzir o ISS de 5% para 2% para a rede hoteleira, além da taxa de iluminação pública. Estiveram presentes empresários, comerciantes, produtores musicais, como Paulo Siqueira, além dos candidatos a vereadores Batista Matos, Wesley Sousa, Josenildo, Ivanzinho, Tiririca, Newton e Gustavo do Papo.
Carregando