Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Funcionário público é assassinado dentro de uma UPA em Açailândia

Vítima aguardava atendimento quando foi surpreendida por dois elementos que efetuaram disparos na cabeça.

Carlos Eduardo Lopes foi morto com dois tiros na cabeça (Foto: Divulgação)

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Açailândia foi palco de um assassinato, na noite desse domingo, 25. O funcionário público identificado como Carlos Eduardo Lopes foi morto a tiros dentro da casa de saúde.

De acordo com as primeiras informações, a vítima chegou se sentindo mal à UPA e aguardava atendimento, quando foi surpreendida por dois elementos que efetuaram os disparos na cabeça. Ele morreu no local.

Os indivíduos fugiram após praticarem o crime e até o momento não foram localizados. A polícia civil está investigando o caso, no intuito de identificar os executores e esclarecer as razões do assassinato.

Carlos Eduardo Lopes trabalhava na Secretaria Municipal de Infraestrutura de Açailândia e morava na cidade de São Francisco do Brejão. Ele era pai de seis filhos.

Carregando