Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

81 novos integrantes da Polícia Civil do Maranhão são empossados

Empossados integram a turma formada em 2018, aprovados em concurso público do Governo do Estado. 

Foram empossados 81 policiais, que integram a turma formada em 2018 (Foto: Karlos Geromy)

Novos delegados, investigadores, peritos e escrivães tomaram posse e passam a compor o quadro efetivo da Polícia Civil do Maranhão. Na solenidade, realizada na manhã desta quarta-feira (28), na Igreja Batista, bairro Angelim, foram empossados 81 policiais, que integram a turma formada em 2018, aprovados em concurso público do Governo do Estado.

“Este ingresso de novos policiais civis representa aquilo que temos de mais importante dentro do sistema de Segurança, que é o aumento do contingente. São as pessoas que movimentam os equipamentos e que prestam o serviço. É um reforço significativo e uma renovação ao agregar novos policiais. Agradecemos ao governador Flávio Dino, pois, em um momento de crise econômica e sanitária, a gestão investe com muita coragem para somar com os serviços públicos na área de segurança. É importante e histórico”, pontuou o secretário de Estado de Segurança Pública (SSP-MA), Jefferson Portela, que na solenidade representou o governador Flávio Dino.

O delegado geral de Polícia Civil, Armando Pacheco, destacou que a posse representa um impacto direto na qualidade das investigações da Polícia Civil, refletindo na maior indicação de autoria e prisão de mais autores de crimes. “Certamente, o resultado que teremos é a redução dos índices criminais. Esse reforço à corporação reflete também o compromisso que vem sendo concretizado pelo Governo, no aumento do efetivo, na qualificação e na estruturação das polícias”, destaca.

Passam a integrar o quadro efetivo da Polícia Civil, mais 10 delegados, 10 peritos, 16 escrivães e 45 investigadores. Com este incremento, somam 193 novos policiais civis no efetivo da Segurança Pública, na gestão Flávio Dino. De 2015 a 2020, nos concursos realizados na gestão, foram inseridos mais de 5,4 mil novos servidores no sistema de Segurança, incluindo policiais civis e militares, efetivo no Corpo de Bombeiros, legistas e agentes penitenciários.

Empossado como delegado, Wagner Vitor Costa, 32 anos, de São Luís, enfatizou sua satisfação com o momento de poder exercer a profissão que tanto almejava. “Agradeço esse momento a Deus e me sinto grato, pois terei a oportunidade de ajudar no combate ao crime no meu Estado e contribuir para reduzir a violência. Me sinto muito honrado e grato por fazer parte desse sistema”, disse.

Na função de escrivã, Luara Cristina dos Santos Reis, 23 anos, do município de Coelho Neto, a ocasião representa “o maior objeto de proteção por ter a chance de servir minha terra natal, além de realizar um sonho pessoal”. A jovem ressaltou saber dos desafios que a aguardam e no cargo, pretende aplicar todo o conhecimento adquirido no curso de formação e “garantir mais segurança para a população com ações de conciliação, reforçando os direitos humanos e sempre protegendo o cidadão”.

Carregando