Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Reformas de casarões para habitação social no Centro de São Luís entram na fase final

Imóveis nas ruas do Giz e da Palma abrigarão famílias em situação de vulnerabilidade.

Casarão da Rua da Palma terá 14 apartamentos com quartos, banheiros e salas conjugadas com cozinhas e área de serviço (Foto: A. Baeta)

As obras de reformas de dois casarões localizados no Centro de São Luís, que serão destinados para habitação social de 22 famílias, estão em fase final, de acordo com a Prefeitura. Um deles está localizado na Rua da Palma e o outro na Rua do Giz.

A restauração dos imóveis, para uso residencial em caráter de habitação social, vai possibilitar não só moradia para famílias em situação de vulnerabilidade, mas, também, contribuir para o repovoamento e revitalização da região, informou a prefeitura. As obras, que devem ser concluídas até dezembro, são coordenadas pela Fundação Municipal do Patrimônio Histórico (Fumph).

Um dos casarões que está sendo revitalizado pela Prefeitura de São Luís é o localizado na Rua da Palma. Trata-se de um imóvel com dois pavimentos, com vista para a Rua Grande e para um horizonte de casarões históricos, onde se vê, também, os frontões da Igreja da Sé, localizada na Praça Dom Pedro II. Nele, serão 14 apartamentos com ambientes domésticos com quartos, banheiros e salas conjugadas com cozinhas e área de serviço, além de um ambiente bem ventilado e perto de serviços essenciais.

As obras seguem avançando e os operários estão trabalhando, na fase atual, na pintura de toda a alvenaria pronta, conforme informações da gestão municipal, que ainda anunciou avanços no processo de instalação das portas, portões e janelas, além da parte hidráulica e sanitária, que já se aproxima do fim, assim como a cobertura de todo o casarão, que está sendo totalmente substituída, bem como o piso.

Além disso, os operários também trabalham na construção de uma cisterna, que vai armazenar água para os futuros moradores. No ritmo em que a obra tem avançado, a previsão é de que seja entregue em dezembro, logo, possibilitando que as famílias em situação de vulnerabilidade já iniciem o ano novo de casa nova.

RUA DO GIZ

No casarão da Rua do Giz, os operários já terminaram a reestruturação de todo o terceiro pavimento. Atualmente, avançam com obras estruturantes nos dois primeiros, que devem ser concluídas nas próximas semanas. No caso do térreo, foi o que ficou para a última fase e a restauração nele ainda avança em todas as etapas, enquanto no segundo e terceiro já foram concluídas as etapas de colocação de piso, telhado, e instalações hidráulica, sanitária e elétrica.

Quase toda a esquadria também já passou por manutenção e foi substituída. A previsão é de que a residência também seja entregue em dezembro. Também no casarão, equipe de restauradores trabalha de forma minuciosa para manter a originalidade da fachada, revestida de azulejos do século 18.

O trabalho é feito por etapas, que inclui, também o processo de reintegração dos mesmos azulejos, haja vista os que haviam sido retirados ou que sucumbiram à ação do tempo.

Carregando