Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Ministro Reynaldo da Fonseca, do STJ, é eleito para a Academia Maranhense de Letras

Novo imortal vai ocupar a vaga de José Maria Cabral Marques.

Ministro Reynaldo da Fonseca foi eleito para a Academia Maranhense de Letras (Foto: Divulgação)

Com 31 votos a favor e cinco em branco, o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Reynaldo Soares  da Fonseca, foi eleito para ocupar a cadeira de número 38 da Academia Maranhense de Letras. Natural de São Luís e graduado em Direito pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), ele sucederá o ex-reitor desta instituição de ensino José Maria Cabral Marques.

O novo imortal não pôde acompanhar a eleição porque tem um membro na família infectado por covid-19 e como manteve contato com essa pessoa tratou de também se recolher a fim de evitar a transmissão do vírus.

Reynaldo iniciou sua carreira jurídica como servidor do Tribunal de Justiça do Maranhão, de 1982 a 1985, e da Justiça Federal no Maranhão, de 1985 a 1986.

Ele foi procurador do Estado do Maranhão, de 1986 a 1992, quando foi aprovado nos concursos públicos para os cargos de procurador do Distrito Federal, para o qual foi nomeado mas não tomou posse, e de juiz de Direito no Distrito Federal e Territórios, função que exerceu de 1992 a 1983, quando foi aprovado para o cargo de juiz federal da primeira região.

Em 2009, foi promovido ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

Em 2015, foi nomeado para o cargo de ministro do STJ, em vaga destinada a membro de Tribunal Regional Federal. A indicação foi aprovada pelo Senado Federal com 56 votos favoráveis e 3 contrários. Tomou posse no dia 26 de maio.

A posse do ministro deverá ocorrer somente no próximo ano, já que a Academia entra de recesso no início do próximo mês e retoma as atividades somente em março.

Carregando