Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Jovem é sequestrado e encontrado em uma cova rasa no bairro Salinas do Sacavém

Três homens invadiram a residência da família, ameaçaram e o levaram do local.

(Foto: Ilustração)

Na manhã dessa terça-feira (22), populares encontraram o corpo de Tharlisson Nunes Correa, de 19 anos, em uma cova rasa, em uma área de matagal, no bairro Salinas do Sacavém, em São Luís. O jovem havia sido sequestrado na madrugada de segunda-feira (21), de dentro da própria casa, localizada no Residencial Tadeu Palácio, no Polo Coroadinho.

Segundo informações do delegado Lúcio Rogério, titular da Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP), três homens teriam invadido a residência da família, ameaçaram, e, alegando que Tharlisson integrava uma facção criminosa rival, o levaram do local. A denúncia do sequestro foi feita pelo pai da vítima, na manhã de segunda-feira.

Ainda conforme o delegado, o próprio pai foi quem reconheceu o corpo do filho, que foi levado ao Instituo Médico Legal (IML) para identificar a causa da morte.

“O exame necroscópico foi um pouco prejudicado, porque o corpo estava coberto por terra. Mas foram observadas lesões na região lateral do pescoço, o que pode indicar que ele tenha morrido em razão dos cortes. Se houve disparos de armas de fogo será identificado pelo IML”, pontuou.

A vítima não teria passagens pela polícia e, de acordo com a família, não tinha nenhuma ligação com facções criminosas. Um inquérito policial foi instaurado na SHPP para apurar o caso, identificar e prender os autores do homicídio.

Carregando