Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Faccionado é preso em Grajaú por homicídio triplamente qualificado

A prisão foi um desdobramento de uma operação deflagrada no Tocantins, visando capturar membros de associações criminosas.

Foto: Ilustração

A Polícia Civil do Maranhão, em trabalho integrado com a Polícia Civil do Tocantins, cumpriu mandados de prisões preventivas em desfavor de um indivíduo suspeito pela prática de homicídio triplamente qualificado e associação criminosa. Policiais militares e agentes da guarda municipal também participaram da ação.

Segundo a polícia, a prisão foi um desdobramento de uma operação deflagrada no Tocantins, visando capturar membros de associações criminosas diretamente envolvidos na guerra entre facções que tem ceifando um elevado número de vidas naquele estado e nos estados vizinhos, inclusive no Maranhão.

O faccionado, que não teve o nome divulgado, foi preso na cidade de Grajaú. Com ele, os policiais encontraram uma considerável quantidade de maconha prensada, bem como quatro saquinhos da mesma substância já embalada para a venda. Em razão disso, o preso também foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

Na ocasião, a companheira dele foi encontrada com um celular com restrição de furto/ roubo, tendo sido formalizado o respectivo Termo Circunstanciado de Ocorrência, nos termos do art. 180, § 3°, do CP.

Carregando