Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Projeto do Terminal Portuário São Luís-Alcântara é apresentado ao Governo Federal

Com implantação do Terminal, o Governo do Estado estima a realização  de 24 viagens por dia

Foto: Reprodução

O Projeto do Cais Flutuante São Luís-Alcântara (Terminal Portuário da Ponta D’Areia, em São Luís, e Terminal Portuário da Independência, em Alcântara) foi apresentado em reunião na Agência Executiva Metropolitana (AGEM) entre representantes do Governo do Maranhão e do Governo Federal.

Com implantação do Terminal, o Governo do Estado estima a realização  de 24 viagens por dia, com embarcações saindo a cada 1 hora, transportando 3.312 passageiros diariamente entre as cidades de São Luís e Alcântara.

Atualmente, o Cais da Praia Grande é o único Terminal Hidroviário da capital com apenas quatro embarcações, três Iates e um Catamarã realizando duas viagens por dia, o que equivale ao transporte de 11.935 passageiros mês, sendo 398 por dia.

Embora esteja localizado na Avenida Senador Vitorino Freire no Centro de São Luís, o Cais da Praia Grande somente oferece condições de navegabilidade durante o período de preamar, ficando inoperante durante a baixamar. “Com as quantidades de viagens diárias reduzidas, o aproveitamento turístico de Alcântara é pouco explorado pelos visitantes”, explicou Lívio Corrêa.

Para fomentar o potencial aquaviário maranhense, o Projeto do Cais Flutuante São Luís-Alcântara favorecerá o deslocamento São Luís/Alcântara e Alcântara/São Luís com um incremento substancial no número de viagens realizadas entre as duas cidades. O equipamento urbano será construído pelo Governo do Estado, por meio da AGEM, em parceria com a Prefeitura de Alcântara num prazo de execução aproximado de 18 meses (1 ano e meio).

Carregando