Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Petrobras aumenta preços da gasolina, diesel e do gás a partir desta terça-feira

A companhia esclareceu que os valores praticados pela companhia têm como referência a paridade de importação.

Foto: Reprodução

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira, 8, que aumentará os preços do litro da gasolina, do diesel e do gás liquefeito do petróleo (GLP) nas refinarias, a partir desta terça-feira.

Segundo a companhia, o preço médio de venda da gasolina será elevado, na média, em R$ 0,17, para R$ 2,25. Já o litro do diesel será reajustado em R$ 0,13, para R$ 2,24, enquanto para o GLP a alta será de 0,14 o quilo. O derivado será vendido, para as distribuidoras, por R$ 2,91 por quilo (equivalente a R$ 37,79 por 13 quilos).

Os reajustes ocorrem em meio à alta do petróleo. Nesta segunda-feira, a cotação do barril do tipo Brent ultrapassou a barreira dos US$ 60 pela primeira vez em um ano.

Na sexta-feira, o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, foi convocado para uma reunião com o presidente Jair Bolsonaro, em Brasília, para prestar esclarecimentos sobre os preços praticados para os combustíveis.

Concorrentes da petroleira, representados pela Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), reclamam que a estatal tem praticado preços abaixo da paridade internacional.

Mesmo com o reajuste anunciado nesta segunda-feira, a associação estima que o litro do diesel vendido pela empresa ainda está R$ 0,23 abaixo do preço de paridade de importação. Para a gasolina, a defasagem é de R$ 0,07.

A Petrobras, em nota, esclareceu que os preços praticados pela companhia têm como referência os preços de paridade de importação e, dessa maneira, acompanham as variações do valor dos produtos no mercado internacional e da taxa de câmbio, para cima e para baixo.

Carregando