Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Suspeito de liderar tentativa de chacina em campo de futebol é preso em São Luís

Indivíduo pretendia vingar a morte do irmão atirando em todas as pessoas que assistiam a um jogo no Gapara.

Jonathan foi preso suspeito de liderar tentativa de chacina, visando vingar a morte do irmão dele (Foto: Divulgação)

Foi preso, na quinta-feira (11), um indivíduo identificado apenas como Jonathan, de 22 anos, em cumprimento a mandado de prisão por tentativa de homicídio. Ele teria liderado um ataque que resultou em quatro pessoas baleadas, em um campo de futebol, no bairro do Gapara, na cidade de São Luís. O crime ocorreu em setembro do ano passado.

De acordo com o delegado Paulo Artur, do 5º Distrito do Anjo da Guarda, o crime ocorreu como forma de retaliação pela morte do irmão do Jonathan, que havia sido assassinado dia 22 de agosto por membros de uma facção criminosa rival à deles.

“Querendo se vingar, se juntou com outros comparsas e bolou o plano. Eles combinaram para entrar nesse campo de futebol, que todo dia tinha jogo, e matar todo mundo”, explicou o delegado.

Na ocasião, o grupo de faccionados do Bonde dos 40 chegou em um veículo Fiesta vermelho e iniciou os disparos. Ronielson Machado Abreu, de 18 anos, foi atingido na cabeça; Wesley Silva dos Santos, 20, alvejado nas costas; Pedro Victor Ferreira Costa, 18, levou um tiro no abdômen; e um adolescente de 12 anos foi acertado nos testículos.

“Um ainda tem sequelas. Não consegue falar nem andar direito”, destacou o delegado, que ressaltou a continuidade das investigações para prender os demais participantes do ataque.

Jonathan foi capturado na Avenida Principal do Gapara, no momento em que se deslocava para residência da sua avó. Ele negou o crime, entretanto foi reconhecido por várias testemunhas.

Carregando