Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Sampaio perde para o Fortaleza no Castelão pela Copa do Nordeste

A vitória cearense foi construída com um gol no início da etapa final

Sampaio e fortaleza duelaram na noite desse sábado no Castelão (Foto: Ronald Felipe/@lampida1923)

O Sampaio perdeu para o Fortaleza nesse sábado (6), no estádio Castelão, em partida válida pela 2ª rodada da Copa do Nordeste. A vitória cearense foi construída com um gol no início da etapa final.

O JOGO

O Sampaio deu a saída e já chegou em jogada de profundidade, que foi bloqueada para escanteio. O Fortaleza respondeu rápido e arriscou de fora da área, no entanto, a bola saiu pela linha de fundo.

O Tricolor de São Pantaleão buscava a posse de bola, e o adversário conseguia explorar as tramas pelas pontas. Em uma escapada do time cearense, Mota espalmou para fora o tiro forte do atacante.

Em nova jogada de velocidade, o jogador do Fortaleza apareceu dentro da área e chutou cruado, mas Mota salvou com os pés. O troco do Sampaio veio com Jefinho, que cabeceou por cima do travessão.

Apesar do primeiro tempo movimentado, as equipes seguiram para o vestiário com o placar zerado.

No minuto inicial do segundo tempo, o Fortaleza conseguiu abrir o marcador após cobrança de escanteio.

A equipe do Sampaio tentou assimilar o golpe e procurou ajustar as peças em campo para batalhar pela igualdade. Eloir arrastou pela esquerda e fez o disparo cruzado, defendido pelo goleiro cearense.

O Fortaleza chegou perigo aos 22 minutos, e Mota cresceu na frente do atacante para fazer duas defesas seguidas.

O cronômetro acelerava, e o Sampaio não conseguia igualar o confronto. Jajá teve grande oportunidade ao cabecear forte, pra baixo, mas o goleiro adversário operou o milagre.

No contra-ataque, a equipe do Fortaleza tramou pela direita e chegou ao segundo gol. O Sampaio ainda tentou diminuir nos minutos finais, mas não conseguiu balançar a rede dos cearenses.

O próximo compromisso do Sampaio Corrêa será agora pela Copa do Brasil, na quarta-feira, no Espírito Santo, diante do Rio Branco. Confronto único por uma vaga na segunda fase da competição.

Ficha Tricolor

Mota, Michel (Roni), Allan Godói (Lucão), Paulo Sérgio e Erick Daltro; Ferreira, Eloir (Pimentinha), Dione e Matheus Cassini (Gabriel Honório); Gabriel Vasconcelos (Jajá) e Jefinho.

Carregando