Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

“Se o Ministério não comprar, o Maranhão irá adquirir doses da Sputinik V”, afirma Flávio Dino

Há uma garantia de que o Governo Federal assine a compra de 39 milhões de doses da vacina russa nesta sexta

Foto: Reprodução

Em coletiva nesta sexta-feira (12), o governador Flávio Dino afirmou que, caso o Ministério da Saúde não conclua a compra de 39 milhões de doses da vacina russa Sputinik V, o Maranhão, juntamente com os demais estados do Nordeste estão prontos para fazer a compra.

“Em reunião nessa quinta-feira (11), houve a garantia por parte do Governo Federal da compra de 39 milhões de doses da Sputinik V. Se o Ministério da Saúde não fizer a assinatura até o fim do dia de hoje, os estados do Nordeste já possuem acordo com o fabricante para aquisição das doses”, garantiu.

O Caso

Na quinta-feira, o governador baiano, Rui Costa (PT), participou de uma reunião com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na qual ofereceu ao governo federal o quantitativo de vacinas negociado pelo estado inicialmente para atender ao nordeste. Costa disse ao ministro que, caso a pasta não assine o contrato com o Fundo Russo na própria sexta-feira para adquirir o quantitativo para o Plano Nacional de Imunização (PNI), a Bahia efetuará a compra das doses para o Nordeste. O governador ofereceu as doses ao Ministério da Saúde após receber a sugestão de colegas durante uma reunião do Consórcio Nordeste.

— Concluímos agora a reunião com o ministro, ele disse que tem interesse, então solicitei que a gente fizesse reunião amanhã no primeiro horário para amarrar isso — afirmou Costa. — Nós tínhamos combinado 39 milhões para o Nordeste, mas eventualmente podemos ver volume maior se for para o país inteiro. Se o ministério adquirir para o país inteiro, ótimo. Se não, a Bahia assina amanhã o contrato com a Sputnik.

Carregando