Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Estudo sobre enigma do inconsciente vira livro mais vendido em São Luís

A obra foi lançada no dia 25 de fevereiro passado na Livraria e Espaço Cultural Amei, no São Luís Shopping.

“Separação”, de autoria da psicanalista Christianne Marie Nahuz (Foto: Divulgação)

O estranho enigma do nó entre amor, angústia e luto, segundo a Psicanálise, é o foco do livro “Separação”, de autoria da psicanalista Christianne Marie Nahuz. A obra foi lançada no dia 25 de fevereiro passado na Livraria e Espaço Cultural Amei, no São Luís Shopping, e se tornou uma das mais vendidas na capital no período.

Segundo Christianne Marie Nahuz, que há mais de duas décadas pesquisa essa temática, o que a motivou a desenvolver esse trabalho foi o desejo de avaliar a realidade na qual o ser humano está inserido.

“Se pararmos para pensar, nós vivemos em um mundo em que a falta de identidade de vinculações afeta diretamente esta geração, com excessiva quebra de relacionamentos e frustrações em uma sociedade com laços sociais frágeis e inseguros”, frisou a autora.

O livro é uma contribuição corajosa para que os leitores desvendem os labirintos emocionais vividos, de acordo com a psicanalista, “por esta confusa e desordenada sociedade”.

“O desatar do nó que nos acena é uma forma de iluminar, com altruísmo, lágrimas e alegrias, que me inspiraram, com muito fascínio, ao saber e tentar trilhar um novo caminho de renovação e superação da nossa mente”, frisa Christianne Marie.

Psicóloga, pedagoga e psicanalista, doutoranda em Psicologia Clínica e mestre em Psicanálise, Christianne Marie Nahuz nasceu em São Luís no dia 17 de novembro de 1969.

A autora pertence a uma família tradicional do Maranhão de descendência árabe. Filha de Sadick Nahuz e Lelia Nahuz, Christianne é neta do jornalista Zuzu Nahuz, que foi proprietário dos jornais Roda dos Ventos, A Tarde, Combate e Correio do Nordeste, editados na década de 50 e 60. Há um livro publicado sobre Zuzu Nahuz, de autoria do escritor Benedito Buzar.

Psicóloga, psicanalista e escritora, Christianne Marie está há mais de duas décadas pesquisando o enigma do nó entre três afetos: amor, angústia e luto em processo de separação segundo a psicanálise. No dia 25 de fevereiro passado, ela lançou em São Luís o livro “Separação: o estranho enigma do nó entre amor, angústia e luto segundo a Psicanálise”.

Este livro, segundo a autora, é uma contribuição corajosa para desvendarmos os labirintos emocionais vividos nesta confusa e desordenada sociedade. O desatar do “nó” que nos acena é uma forma de iluminar, com altruísmo, lágrimas e alegrias que me inspiraram, com muito fascínio, ao saber e tentar trilhar um novo caminho de renovação e superação da nossa mente.

“Conheça meu livro e busque algo revelador e renovador de transformação social e individual para uma vida plena e feliz”, afirma a escritora maranhense.

Ela revela que gosta de ler obras de poetas brasileiros e de teóricos da Psicanálise, como Freud, Lacan, Nasio, Antônio Quinet e Jorge Forbes.

Carregando