Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Delegado e investigador da Polícia Civil do Maranhão morrem por complicação do Covid-19

Além deles, também morreu, ontem, 30, um servidor administrativo do Instituto de Identificação, vítima do novo coronavírus.

Delegado Diogo Melo morreu por complicações da Covid-19 (Foto: Divulgação)

Nessa terça-feira (30), o delegado de Polícia Civil do Maranhão Diogo Antônio Cabral Melo, de 40 anos, e o investigador Wladimir Fontenelle Sá Barreto, também da corporação, morreram em decorrência de complicações da Covid-19.

O delegado era natural de Belo Horizonte e atuava na área desde 2014. Atualmente, ele era lotado na delegacia de Cantanhede.

Já o investigador estava lotado na delegacia de São Domingos do Maranhão. Além deles, também morreu, ontem, 30, de complicações do Covid-19, o servidor administrativo do Instituto de Identificação, Antônio Jose do Nascimento.

Por meio de nota, o delegado-geral da Polícia Civil, André Gossain, se solidarizou com seus familiares e colegas neste momento de dor e consternação.

Carregando