Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Câmara aprova aumento da pena mínima para feminicídio

De acordo com o projeto de lei (PL), a pena passaria para reclusão de 15 a 30 anos.

Foto: Reprodução

A Câmara dos Deputados aprovou nessa terça-feira (18) o aumento da pena mínima para o crime de feminicídio. De acordo com o projeto de lei (PL), a pena passaria para reclusão de 15 a 30 anos. Atualmente, a pena mínima é de 12 anos. O projeto vai ao Senado.

“A mudança na pena é necessária até para levar à reflexão aqueles que julgam que podem tirar da mulher sua autonomia e sua vida”, disse a autora do projeto, Rose Modesto (PSDB-MS). A relatoria foi da deputada Policial Katia Sastre (PL-SP).

“O isolamento social potencializou a ação dos agressores e este Parlamento deve propor uma legislação que impeça a disseminação da violência contra a mulher”, disse a relatora.

Outra novidade do projeto é a tipificação do feminicídio como crime no Código Penal. Para a relatora, a tipificação em separado do crime de feminicídio permitirá saber com mais precisão a quantidade desses crimes cometidos, pois eles não serão mais classificados como homicídio com qualificação.

Carregando