Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Arraial da Cirurgia prevê a realização de 350 procedimentos no HTO

Durante todo o mês de junho, o mutirão de cirurgias ortopédicas visa desafogar as urgências e emergências da capital.

Com Arraial da Cirurgia no HTO, Governo prevê a realização de 350 procedimentos (Foto: Ruy Barros)

O Governo do Maranhão deu início, nessa quarta-feira (9), ao Arraial da Cirurgia no Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Maranhão (HTO), unidade da rede estadual de saúde que é gerenciada pelo Instituto Vida e Saúde (Invisa). Durante todo o mês de junho, o mutirão de cirurgias ortopédicas deverá beneficiar cerca de 350 pessoas com procedimentos, 50 deles voltados para contemplar pacientes do Hospital Municipal Clementino Moura (conhecido como Socorrão II), da rede municipal de saúde.

“A estratégia visa desafogar as urgências e emergências da nossa cidade. Dentre os tipos de procedimentos a serem realizados, estão os de trauma ortopedia e de alta complexidade. Por conta do cenário pandêmico, as cirurgias eletivas precisaram ser reduzidas pela metade, por esse motivo é que o Arraial surge como proposta para dar sequência à demanda reprimida para esses procedimentos”, disse o diretor clínico do HTO, Samuel Gregório.

O HTO é referência no atendimento de média e alta complexidade e recebe pacientes de todo o estado por meio de encaminhamento de outras unidades de saúde. Para a realização dos procedimentos no Arraial da Cirurgia, os pacientes passaram por uma triagem, onde foram avaliados a urgência do caso e o histórico do paciente.

De acordo com o coordenador do setor de Ortopedia, Dr. Newton Gripp, o foco está nos pacientes que sofreram traumas que demandem urgência no atendimento. “Quando acontece algum acidente, a pessoa recebe o primeiro socorro no seu município de origem. Dependendo da complexidade, ela é transferida para o HTO a fim de ser submetida ao procedimento cirúrgico e posterior acompanhamento no processo de recuperação”, explicou.

Um dos primeiros pacientes atendidos foi o vigia Manoel Ribeiro, que sofreu um acidente de moto neste domingo (6), em Miranda. Após ser transferido para o Socorrão II, foi regulado para fazer o procedimento no HTO. “No acidente, eu acabei fraturando o fêmur direito, por conta disso precisei ser trazido para São Luís. Aqui é o céu. Atendimento ótimo, profissionais companheiros e que sabem cuidar da gente, por isso só tenho a agradecer o que estão fazendo por mim”, declarou.

Por mês, o HTO realiza cerca de 300 cirurgias ortopédicas. A unidade dispõe de leitos destinados a ortopedia e traumatologia, pediatria cirúrgica, pediatria clínica e UTI adulto. O hospital tem ainda centros cirúrgicos, posto de enfermagem, sala de repouso e de curativo, alas especializadas para atendimento de crianças e idosos, equipamentos de alta tecnologia, atendimento ambulatorial e cirúrgico, marcação de consultas, análises clínicas, exames de imagem (Raios-X, Ultrassonografia e Tomografia).

Carregando