Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Operação cumpre 34 mandados de prisão contra membros de facção criminosa no Maranhão e Piauí

Diligências de várias unidades da Polícia Civil cumpriram também diversos mandados de busca e apreensão

Operação cumpre 34 mandados de prisão contra membros de faccção criminosa (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil do Piauí, em ação conjunta com o Ministério Público, deflagrou na manhã desta terça-feira, 15 de junho,  a Operação Contraordem II, que tem como foco o combate à criminalidade organizada violenta.

Equipes de várias unidades da Polícia Civil estão em diligências para dar cumprimento a 34 mandados de prisão preventiva e diversos mandados de busca e apreensão nas cidades de Teresina, Timon, Amarante, Campo Maior e Parnaíba.

A Operação Contraordem contou com o apoio da Secretaria de Justiça do Piauí e Polícia Civil de Timon (MA).

Operação Contraordem I

A Polícia Civil do Piauí, através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) e da Diretoria de Inteligência da SSP, deflagrou no dia 16 de outubro de 2020 a “Operação Contraordem I”, com o objetivo de cumprir 29 mandados de prisão preventiva em cidades do Piauí, Maranhão e Rio Grande do Norte.

Foram presas 22 pessoas e cinco armas apreendidas ao fim da operação. As prisões ocorreram nas cidades de Teresina, Campo Maior, Floriano e São João do Piauí. Também foram realizadas prisões em Natal-RN e na cidade de Timon.

Os mandados foram expedidos pela Central de Inquéritos de Teresina em decorrência dos crimes de organização criminosa, tráfico de drogas e homicídio. Dentre os crimes apurados se destaca a decapitação de duas pessoas ocorridas em 2020 na zona norte de Teresina.

Carregando