Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Mulher morre carbonizada após incêndio dentro de residência

O ex-marido da vítima saiu na rua pedindo socorro aos moradores devido às chamas.

Momento da chegada do Corpo de Bombeiros na casa da vítima (Foto: Portal Meio Norte)

Uma mulher de 57 anos, identificada como Raimunda Bezerra da Silva, morreu carbonizada na madrugada desta quarta-feira (30), após um incêndio em uma residência na rua Alto Longá, bairro Alto Alegre, na zona Norte de Teresina.

De acordo com informações de uma testemunha e vizinho da vítima, o caso teria acontecido por volta de 1h30 da madrugada, quando o ex-marido de Raimunda Bezerra saiu na rua da casa pedindo socorro aos moradores devido às chamas.

“Ela estava acamada há uns dias devido um fêmur quebrado. Ela fazia usos de remédios controlados, tanto para dormir quanto pressão. Ela era fumante e teria pedido cigarro para o ex-marido, que morava ainda com ela. Ele negava, alegando que ia prejudicar o tratamento. Ela deve ter adormecido e o cigarro caiu cima da cama”, explicou o vizinho, que preferiu resguardar sua identidade.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e prontamente atendeu a ocorrência. No local, foi verificado pela corporação que tinha fogo no telhado e em 2 quartos do imóvel. Após apagar o incêndio e realizar o trabalho de rescaldo, o corpo da idosa foi encontrado carbonizado em um cômodos.

“Utilizamos aproximadamente 500L de água, uma mangueira de 1,5 polegadas de 30M para apagar as chamas e fazer o rescaldo. Foi encontrado uma vítima (cadeirante de nome Raimunda Bezerra da silva de acordo com o responsável pelo imóvel) carbonizada num dos quartos”, explica o relatório da ocorrência do Corpo de Bombeiros.

Diante disso, a corporação informou ainda que aguardou a chegada da Perícia Criminal e o Instituto Médico Legal (IML) para realizar a remoção do corpo, que já foi liberado para família. Raimunda Bezerra da Silva será velada no bairro Cabral, onde tinha uma residência.

Carregando