Fechar
Buscar no Site
O ÓRGÃO DAS MULTIDÕES

Homem é preso suspeito de matar esposa grávida e sogra a tiros

Nahaty Gomes de Mello era juíza de paz e estava grávida de seis meses.

Nahaty Gomes de Mello estava grávida de seis meses quando foi morta junto com a mãe, Rosemary Gomes de Mello, em Nova Friburgo — Foto: Reprpdução Redes Sociais

Uma mulher de 33 anos, grávida de seis meses, e a mãe dela, de 67, foram mortas a tiros na noite dessa sexta-feira (13), no bairro do Cônego, em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio. O marido da gestante, Ricardo Pinheiro Jucá Vasconcelos, suspeito do crime, foi preso em flagrante no local. O sogro também foi baleado e está internado no Hospital Raul Sertã.

O caso foi registrado na 151ª Delegacia. Segundo a PM, no caminho da delegacia, o suspeito disse que sofreu um surto. Já na 151ª Delegacia de Polícia, ele preferiu não prestar depoimento. O homem já foi encaminhado à uma unidade prisional na capital.

A gestante Nahaty Gomes de Mello, que trabalhava como juíza de paz, e a mãe, Rosemary Gomes de Mello, foram encontradas mortas em andares diferentes da casa.

A Polícia Militar foi acionada e chegou no local por volta das 22h. Os agentes encontraram o pai da vítima, de 75 anos, na frente da residência. Ele contou ter sido baleado na boca pelo genro.

Ao entrar no portão do imóvel, os policiais encontraram o suspeito, que precisou ser contido e algemado pelos policiais, que, ao entraram na residência, se depararam com a sogra do suspeito na sala, já sem vida.

Carregando